72ª festa de entrega do Primetime Emmy corre risco de ser por videoconferência em função da pandemia do novo coronavírus


ABC já estuda colocar Jimmy Kimmel para apresentar premiação de casa

Da redação TV em Análise

Kevin Winter/Getty Images/18.09.2016


Planejada para o dia 20 de setembro, a 72ª festa de entrega do Primetime Emmy pode não ser realizada no Microsoft Theater, em Los Angeles, em função de medidas de segurança sanitária que a Academia de Televisão já começou a adotar devido à pandemia do novo coronavírus. De acordo com a entidade, a princípio, as premiações técnicas previstas para o sábado e domingo anteriores à premiação principal, deverão obedecer ao sistema de videoconferência. A possibilidade deve se estender à premiação, que não deverá contar pela primeira vez com tapete vermelho, para evitar aglomerações.
A assessoria da ABC, emissora que vai exibir a premiação nos Estados Unidos, já está ciente das decisões que a Academia de Televisão tomar para a segurança das equipes de produção, que deverão ser remanejadas. Equipes de câmera e iluminação deverão servir para a possível produção ao vivo da casa do apresentador Jimmy Kimmel, 52. De lá, deverão ser centralizadas as operações de videoconferência para as casas dos indicados nas 25 categorias principais, entre atores, roteiristas, apresentadores e produtores.
Com a videoconferência, a ABC e a Academia de Televisão esperam economizar recursos que seriam gastos no credenciamento de agentes artísticos, jornalistas e representantes de emissoras e estúdios, fora os próprios artistas. Festas pós-premiação deverão ser virtuais, para atender às recomendações do Centro de Controle de Doenças (CDC) do governo americano e dos Departamentos de Saúde de Los Angeles e da Califórnia.
Em qualquer formatação, a TNT vai exibir a 72ª edição do Primetime Emmy no Brasil às 21h (horário de Brasília). As indicações serão anunciadas no dia 28 de julho.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Eventos, Mondo cane, Premiações e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s