Negociações para organizar a 68ª edição do concurso de Miss Universo em Israel estariam bastante avançadas, diz site local


Diretores da MUO teriam visitado secretamente o país

Da redação TV em Análise

Stella Levi/Getty Images


Um grupo de diretores da Miss Universe Organization esteve em Israel para avaliar a possibilidade do país sediar a 68ª edição do concurso de Miss Universo, prevista para dezembro. A informação foi publicada na tarde da sexta-feira (9) pelo site Israel Bayom, citando uma das fontes próximas às negociações, conduzidas pelo comando central da MUO, sediado em Nova York.
De acordo com a mesma fonte citada pela publicação, os responsáveis pela candidatura israelense estariam pensando também a opção de receber a 69ª edição do Miss Universo, prevista para o final de 2020. É essa edição que vem sendo almejada pelo Rio de Janeiro, mas fatores políticos e econômicos estariam colocando uma pá de cal na candidatura da capital fluminense, também assolada por sérios problemas de segurança pública.
O interesse de Israel em sediar o Miss Universo 2019 surgiu após a organização do Festival Eurovisão da Canção, realizado em 18 de maio, em Tel Aviv, cidade mais cotada para a realização do concurso. Lá fica a maioria das embaixadas estrangeiras, menos as dos Estados Unidos e da Guatemala, que se mudaram para Jerusalém. O festival de música da União Europeia de Emissoras de Televisão (EBU) foi realizado no Expo Tel Aviv e rendeu pauta não pela vitória do holandês Duncan Laurence, mas por uma performance controversa da cantora Madonna, 60, com bandeiras da Palestina. Uma das candidatas nacionais já eleitas, a filipina Gazini Ganados, 23, é descendente de palestinos. Tal situação causaria um embaraço à candidatura israelense para sediar o Miss Universo.
As negociações foram conduzidas secretamente pelos produtores Danny Ben Naim e Assaf Belcher junto aos proprietários da MUO, Ari Emanuel, 58, e Patrick Whitesell, 54. ambos judeus. Ari, irmão do prefeito de Chicago, Rahim, é forte oponente da causa palestina e da presença de países inimigos de Israel no Oriente Médio no Miss Universo. De acordo com o Israel Hayom, um dos empecilhos para a negociação ir adiante seriam as eleições gerais no país a serem realizadas em 17 de setembro. Outros problemas seriam a falta de comunicação com órgãos estratégicos do Governo e custos orçamentários.
Israel é um dos únicos quatro países a serem assíduos em todas as 67 edições do Miss Universo desde sua criação, em 1952. Nesse período, o país teve 20 classificações, que equivalem a um aproveitamento de 29,85%. Em 11 de julho de 1976, Rina Messinger deu ao país seu único título, conquistado no então território britânico de Hong Kong, devolvido à China em 1997. A última classificação ocorreu em 31 de maio de 2005, em Bangcoc, quando Elena Ralph se classificou entre as 10 semifinalistas em traje de banho. Em 2019, o país será representado por Sella Sharlin, 22, moradora de Tel Yitzhak (kibutz situado a 86 km a noroeste de Jerusalém e 28 km ao norte de Tel Aviv, na região costeira) e nascida em Boston, capital do Estado americano de Massachusetts. Ela serviu ao Exército israelense em frentes de combate. Formada em medicina, Sella é assistente da clinica de seu pai. Também é editora-chefe da revista feminina de estilo Laisha.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Podres poderes, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s