27% das candidatas do Miss Universo 2019 estão confirmadas em comparação aos recordes estabelecidos entre 2017 e 2018


No entanto, recorde pode não ser batido caso a sucessora de Catriona seja eleita em novembro

Da redação TV em Análise

Lillian Suwanrumpha/AFP/Getty Images/17.12.2018


Às vésperas da filipina Catriona Gray, 25, completar seis meses de reinado como Miss Universo 2018, quase um terço das coordenações nacionais elegeu ou aclamou candidatas para a 68ª edição do concurso de Miss Universo, que aguarda definição de data e cidade-sede. Até o início da tarde deste sábado (15), 25 candidatas nacionais tinham sido confirmadas para a disputa, o que já representa um avanço. Até o final de junho, 32 candidatas nacionais terão sido confirmadas, o que de fato será um terço do total esperado de candidatas para o certame, cotado para acontecer em Seul, em novembro.
O progresso do calendário de concursos nacionais entre julho e setembro e as aclamações serão decisivas para impulsionar o motor do quadro final de candidatas, o qual a presidenta da Miss Universe Organization, Paula Shugart, evita adiantar. De acordo com projeção do TV em Análise Críticas, 79 países e territórios estão confirmados na disputa, mas o número poderá aumentar à medida que as datas de alguns certames nacionais forem sendo marcadas até o final de agosto. A MUO trabalha com a janela de 30 de setembro para fechar a marcação de datas de certames nacionais.
Caso o Miss Universo 2019 ocorra na capital sul-coreana no dia 3 de novembro, as coordenações nacionais terão de apertar o passo para marcar as datas de seus certames. Na única vez em que o Miss Universo ocorreu em Seul, em 8 de julho de 1980, apenas 69 candidatas competiram. A expectativa da MUO é que esse número seja superado. Nos dois últimos anos, o Miss Universo tem batido recordes de candidatas. Agora o temor é de que não haja como bater recordes de candidatas devido ao calendário apertado.
Baseado no recorde inicial, de 26 de novembro de 2017, em Las Vegas (92), o quadro de candidatas nacionais já eleitas ou aclamadas para o concurso Miss Universo 2019 seria 27,17% daquele total. Se levar em conta o verificado em 17 de dezembro de 2018, em Bangcoc (94), esse percentual cairia para 26,59%.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Datamisses, Jóia da coroa, Numb3rs, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s