Chavit Singson tem a Miss Universe Organization praticamente nas suas mãos ao agir como fosse o dono e falar em nome dela


O bote no Binibining Pilipinas já foi dado

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

J Gerard Seguia/Pacific Press/LightRocket via Getty Images/30.01.2017


No papel, a Miss Universe Organization é de propriedade da empresa americana William Morris Endeavor/Imternational Management Group (WME/IMG). Na prática, ela é comandada nos estertores pelo político e enpresário filipino Luis Chavit Singson, 77. Saiu de suas mãos a articulação para que Catriona Gray, 25, vencesse a 67ª edição do concurso de Miss Universo, há 64 dias, em Bangcoc. De sua fortuna, saíram os recursos para que Manila e a capital tailandesa recebessem o concurso em 2016 e 2018. O próximo alvo é Seul.
Com a presidência de Paula Shugart, o clã Singson alimenta relações íntimas, que ultrapassam as barreiras prfissionais. Foi Chavit que cedeu seu jatinho para que Catriona não enfrentasse a fila de passageiros do Aeroporto Internacional Suvarnabhumi para sair direto para a capital filipina, onde descansou para as festas de fim de ano com a família. Um dos diretores da MUO é casado com s filha de Chavit, Richelle Louise Siungson, jurada do comitê de seleção do Miss Universo 2018. Tutti buona gente.
O intento de Chavit com a MUO é desidratar a Bibibining Pilipinas e o Binibining Pilipinas de seu principal produto: a eleição da reŕesentante filipina no Miss Universo. Chavit quer pagar o dobro do que a BPCI paga ao Miss Universo. Está se articulando com grupos de mídia filipinos para tentar conter uma investida da ABS-CBN, que tem no Bb. Pilipinas e no Miss Universo suas duas grandes joias da coroa em eventos não esportivos. Entre missólogos do Sudeste Asiático, as piores línguas asseguram que Chavit garroteou a licença do Miss Universo da BPCI, que a tinha em suas mãos desde 1964. Ver para crer.

Instagram/Chavit Singsomn/19.12.2018 (via Angelopedia News)

Em entrevistas a emissoras de rádio, Chavit Singson não mede palavras. Diz que a cidade A (Seul) vai levar a sede do Miss Universo 2019 sem ao menos ter ouvido as autoridades locais. Na vida real, o discurso de Chavit, ex-governador da província de Ilocos Sur, poderá acabar se convertendo em marola quando as negociações de maio já avançarem para outras direções. A bravata de Hangzhou (Hancheu), na China comunista, em abril passado. é um exemplo do que a LCS, grupo de Chavit, não deve seguir nas sedes asiáticas do Miss Universo. Na China, Chavit e a MUO não tem boa guarida dos herdeiros do maoismo, incrustados no Partido Comunista (PCCh). A cartilha do regime de Xi Jingping não permite que o concurso ocorra pela manhã, como quer a promotora americana do concurso. Cingapura, Coreia do Sul, Filipinas, Hong Kong, Tailândia, Taiwan e Vietnã mostraram o contrário de 1974 a 2018. Para a MUO, a exibição ao vivo no horário nobre americano é vital. Em 1980, Seul fez o Miss Universo de manhã.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Personalidades, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s