A Bangcoc que aguarda as candidatas do Miss Universo 2018


As noites quentes da zona da Soi Cowboy que as candidatas devem evitar

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Getty Images
Na porta de um bordel, garotas aguardasm pelos seus clientes


A vida sexual de uma metrópole não se resume apenas a prédios históricos e à modernidade do concreto de seus arranha-céus. Bangcoc, que vai receber a 67ª edição do concurso de Miss Universo daqui a 29 dias, tem nos seus bordeis o convite ao prazer que turistas tinham até bem pouco tempo. Os bordeis da Asok-Sukhumvit inspiram um pouco dessa coisa obscura da vida noturna da capital tailandesa. Por dinheiro, garotas se divertem. Mas o governo tailandês prometeu não deixar barato para o turismo sexual. Em agosto de 2016, a Polícia Real da Tailândia começou a reprimir pontos de prostituição como os mostrados nas fotos.

Getty Images/02.01.2016
Num país fanático por concursos, as tailandesas mostram o que tem de mais belo

A zona da luz vermelha da Soi Cowboy chamou a atenção de produtores de Hollywood. Cenas do filme Se Beber, Não Case – Parte 2 foram filmadas por lá em dezembro de 2010, pouco mais de cinco anos antes do governo do general Prayuth Chan-ocha, 64, mandar baixar a guarda contra os donos de bordeis. A ação não surtiu efeito e o ministro de Turismo do país foi trocado em agosto de 2017. Se existe um lugar que as 95 candidatas ao título de Miss Universo 2018 devem evitar, a não ser para fazer turismo e caridade, a zona é essa. Y compris para Angela Ponce. A Tailândia é um país amigo de transexuais como ela. Mas Ponce, 27, não deve tão cedo cair nessas tentações antes do concurso.
Situada a 14,5 km ao sul da Impact Arema e 29,3 km a oeste do Aeroporto Internacional Suvarnabhumi, a Soi Cowboy é uma rua de 150 metros , cujo primeiro bar foi aberto em 1970. Hoje são 40 bares que tem garotas de biquínis, algumas em ambientes de casas de massagem e strip-tease. Em alguns bares, as dançarinas ficam de topless. Em outros, elas ficam completamente nuas, à mostra de turistas ansiosos para ver o que os biquínis escondem. A entrada de menores de 20 anos é proibida nesses locais, bem como a de drogas ilícitas. A legislação tailandesa prevê pena de morte para o tráfico de drogas, mas é vaga em relação ao turismo sexual. No entanto, torna crime a facilitação à prostituição.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Cidades, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s