Homenagem a Miss Universo de 1968 Martha Vasconcellos na AL da Bahia é de ex-tucano citado por delatores da Odebrecht


Sessão solene ocorrerá na sexta-feira (15)

Da redação TV em Análise

Fotos Divulgação e Organização Miss Brasil Universo


É de autoria do deputado Marcelo Nilo, 63, o requerimento de Sessão Solene a ser realizada na sexta-feira (15), destinada a conceder a Comenda 2 de Julho à Miss Universo 1968, Martha Vasconcellos, 69. Até abril último, José Marcelo do Nascimento Nilo era filiado ao PSDB. Para tentar uma cadeira na Câmara dos Deputados, se filiou ao PSB. No plano federal, os dois partidos apoiaram o impeachment da então presidenta Dilma Rousseff, 72, em 17 de abril de 2016, na Câmara, e 31 de agosto, no Senado Federal. No plano estadual, Marcelo Nilo tem feito oposição aos governadores petistas Jaques Wagner e Rui Costa. Antes de ser deputado, foi chefe de gaminete na prefeitura de sua cidade natal, Antas (348 km ao norte de Salvador).
De acordo com sua ficha no site da AL/BA, Marcelo Nilo foi eleito para seu primeiro mandato de deputado estadual em 1990. Presidiu várias comissões, inclusive a da Seca. Entre abril e setembro de 2008, substituiu Jaques Wagner em interinidades por quatro vezes. Ainda estava filiado ao PSDB quando foi interino de Wagner. Em 2009, transferiu-se para o PDT. Entre 2016 e 2017, foi filiado ao PSL e depois ao PSDB. Em setembro de 2017, Marcelo Nilo foi alvo da Operação Opinião, da Polícia Federal, que inverstiga fraudes em pesquisas eleitorais para a eleição de 2014. De acordo com delatores da construtora Odebrecht, Marcelo Nilo é acusado de receber vantagens indevidas para sua campanha de reeleição naquele ano. Na campanha, se filiou ao PDT, mas foi para o PSL. Ao portal G1, da Rede Globo, Marcelo disse que recebeu R$ 300 mil da empreiteira, um dos alvos das investigações da Operação Lava Jato, que investiga corrupção na Petrobras. O valor, de acordo com o parlamentar, consta de sua declaração de contas à Justiça Eleitoral.
A sessão de concessão da Comenda 2 de Julho a Martha Vasconcellos ocorrerá nesta sexta-feira (15), às 10h, no plenário do Palácio Luís Eduardo Magalhães, nome oficial da sede da Assembleia Legislativa da Bahia. No dia 26 de maio, Martha recebera homenagem da Organização Miss Brasil Universo, no Riocentro, durante o concurso Miss Brasil 2018. A Assembleia baiana se soma ao rol de entidades que prestam homenagens a Martha Vasconcellos pelos 50 anos de sua eleição como Miss Universo 1968, a serem completados no dia 13 de julho. Martha fará 70 anos na próxima segunda-feira (18).

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Cidades, Nossas Venezuelas, Projetos especiais e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s