Caso Mayra Dias vença o título de Miss Universo 2018, baiana Maria Isabel Santos deverá assumir coroa de Miss Brasil 2018


Regulamento do Miss Universo proíbe acúmulo de título nacional com o internacional

Da redação TV em Análise

Organização Miss Brasil Universo/Divulgação/29.04.2018


Um item do regulamento do concurso de Miss Universo deverá fazer a baiana Maria Isabel Santos, 19, passar a assumir o título de Miss Brasil 2018. Caso a amazonense Mayra Dias, 26, vença a 67ª edição do concurso de Miss Universo, prevista para dezembro, ela não poderá acumular o título de Miss Brasil 2018, que conquistou no dia 26 de maio, no Riocentro, com o título internacional.
Desde 1965, uma norma da Miss Universe Organization proíbe que a vencedora do Miss Universo acumule o título com compromissos do concurso nacional no qual foi eleita. Foi essa norma que fez Martha Vasconcellos, 69, puxar o freio em relação a alguns compromissos com a MUO até à coroação de sua sucessora, a filipina Glória Diaz, 67, em 19 de julho de 1969. A mesma regra é válida no Miss USA, que proíbe a vencedora do título nacional de acumular compromissos do concurso estadual no qual foi eleita. Em ambos os casos, a segunda colocada assume o título, por ascensão da vencedora.
Um caso notório ocorreu em 1967, quando Sylvia Hitchcock (1946-2015) venceu o Miss Universo e abriu caminho para que a segunda colocada no Miss USA assumisse. Susan Bradley, da Califórnia, no entanto, se recusou a assumir o título. A MUO deu o título de Miss USA 1967 à representante da Flórida, Cheryl Patton, 69, que ainda hoje vive em Miami.
No âmbito do Miss USA, Shanna Moakler (Nova York, 1995) e Nana Meriwether (Maryland, 2012),  também assumiram o título nacional com a ascensão de suas vencedoras originais – Chelsi Smith e Olivia Culpo – ao título de Miss Universo. Das oito americanas que venceram o Miss Universo, cinco cederam os títulos de Miss USA às segundas colocadas.
Mayra Dias passou a liderar o ranking de 16 favoritas a uma vaga entre as semifinalistas do Miss Universo 2018 após a divulgação da 12ª avaliação parcial do TV em Análise Críticas, na segunda-feira (4). Ela subiu uma posição em relação ao segundo lugar que ocupava na 11ª parcial, feita após sua eleição como Miss Brasil. A amazonense divide o topo com a sul-africana Tamaryn Green, 23, que está em segundo lugar.
A reportagem do Críticas entrou em contato com a assessoria da Organização Miss Brasil Universo, que disse “desconhecer” a existência de item do regulamento do Miss Universo que proíba a Miss Brasil de acumular o título nacional com o internacional, em caso de vitória. A direção do Miss Brasil citou o caso de Ieda Maria Vargas, 73, gaúcha eleita Miss Brasil em 1963, mais tarde eleita Miss Universo, que não estava coberta no regulamento de proibição. Ieda cumpriu os reinados de Miss Brasil e de Miss Universo, sem maiores problemas. De acordo com publicações de época, Ieda foi substituída em alguns compromissos do reinado de Miss Brasil 1963 pela segunda colocada, a paranaense Tânia Mara Franco de Souza, 74.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Nossas Venezuelas, Outras Venezuelas, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s