Coordenadora de Porto Rico Denise Quiñones confirma que a 67ª edição do concurso de Miss Universo será em dezembro


Vencedora do concurso de 2001 pediu ‘calma’ a fãs e missólogos

Da redação TV em Análise

WAPA TV/Divulgação/15.02.2018


A coordenadora do concurso Miss Universo Porto Rico, Denise Quiñones, 27, informou através de podcast publicado no dia 12 de abril que a 67ª edição do concurso de Miss Universo será realizada em deze,bro, porém não soube precisar a data. A assessoria da FOX e a Miss Universe Organization já trabalham com duas datas – 16 (domingo) ou 20 (quinta-feira), após a conclusão da temporada do Thursday Night Football. Em viagem recente às Filipinas, a presidenta da MUO, Paula Shugart disse estar “examinando possibilidades” para a realização do concurso. E a de se fazer o concurso em dezembro, agora a mais concreta, é uma delas.
Durante o vídeo, Quiñones, vencedora cdo Miss Universo 2001, pediu “calma” aos fãs, torcedores e missólogos, principalmente os de seu país, Estado-livre associado aos Estados Unidos. Porto Rico elege sua representante no dia 20 de setembro. Outro país-chave na disputa, a Colômbia, elegerá sua candidata no dia 12 de novembro, faltando exatamente um mês para a sucessora de Laura Ospina competir na disputa internacional. Problemas de calendário com o Señorita Colombia forçaram a MUO e a FOX a decidirem pela realização do Miss Universo 2018 em dezembro. O Brasil elege sua candidata no sábado (26), no Rio de Janeiro. Cinco dias antes, será eleita a candidata dos Estados Unidos, ao final do concurso Miss USA 2018, a ser realizado em Shreveport (luisiana).
Bangcoc, Cingapura, Joanesburgo, Manila, Nha Trang e Seul são as cidades que disputam o direito de sediar o Miss Universo 2018. Destas, apenas a cidade sul-africana ainda não recebeu o Miss Universo. Em 1996, Joanesburgo chegou a ser confirmada como sede da 45ª edição do Miss Universo, que acabou transferida para Las Vegas, por razões financeiras e troca de comando no controle do concurso (da P&G para a Trump Organization). Desde setembro de 2015, o concurso é propriedade da Endeavor (antiga WME/IMG).

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s