Shreveport espera ganhar R$ 16 milhões com Miss USA 2018


Estimativa é de órgãos de turismo

Da redação TV em Análise

KTBS-TV/19.03.2018


O anúncio da realização das edições 2018 dos concursos Miss USA e Miss Teen USA feito na tarde desta segunda-feira (19), no Hirsch Memorial Coliseum, começou a mexer com a economia de Shreveport, cidade localizada no noroeste da Luisiana, que recebeu os concursos de forma separada de 1997 a 2000. De acordo com o Shreveport-Bossier Convention and Visitors Bureau, é esperado um retorno de US$ 5 milhões (R$ 16 milhões) com a realização dos dois concursos na cidade de 194 mil habitantes. Também sairão ganhando os 68 mil habitantes de Bossier City, cidade vizinha a Shreveport, que deverá receber atividades dos concursos.
De acordo com o oficial administrativo de Shreveport, Bryan Crawford, o impacto econômico da etapa americana do Miss Universo 2018 na economida da cidade será “altamente positivo”. Shreveport recebeu o Miss USA em 1997 e 1998. Em 1999 e 2000, já com Britney Spears na crista da onda, a cidade recebeu duas edições do Miss Teen USA. Britney, nativa de McComb, cantou no concurso adolescente do Miss USA.
De acordo com o comitê organizador local do Miss USA 2018, o concurso deverá gerar um grande impacto nos negócios locais, a começar do Aeroporto Regional de Shreveport-Bossier, que opera apenas voos regionais. De c2008 a 2017, o Miss USA foi realizado em Las Vegas. A exceção ocorreu entre 2014 e 2015, quando o concurso ocorreu em Baton Rouge. No concurso de 2015, o então gestor da Miss Universe Organization, Donald Trump, já havia se afastado da entidade para se dedicar integralmente à sua pré-campanha presidencial pelo Partido Republicano antes da venda à Endeavor.
A Miss USA 2017, Kára McCullough, do Distrito de Columbia, e a Miss Teen USA 2017, do Missouri, Sophia Dominguez-Heithoff, que irão entregar suas faixas em Shreveport, participaram da entrevista coletiva realizada no Hirsch Coliseum.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Força da Grana, Outras Venezuelas, Projetos especiais e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s