Sucessora de Kára McCulough deverá ser eleita em 29 de abril


Essa é a data que deverá ser trabalhada para o Miss USA 2018

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Ethan Miller/Getty Images/14.05.2017


O fechamento do calendário de concursos estaduais, no dia 28 de janeiro, deve obrigar a Miss Universe Organization a marcar a 67ª edição do concurso de Miss USA para o dia 29 de abril de 2018. A decisão ainda não é oficial, mas pela janela que as coordenações estaduais terão até a etapa americana do Miss Universo 2018, dá para ter uma ideia mínima de como a MUO irá trabalhar com a rede de televisão FOX para a antecipação da data do certame em dois domingos em relação ao Miss USA 2017, que ocorreu no domingo de início de upfronts das redes abertas americanas para a temporada 2017-2018, 14 de maio.
A antecipação do Miss USA 2018 é consequência da marcação do Miss Universo 2018, para o dia 26 de setembro, em Lima (Peru). Las Vegas deverá permanecer como sede da etapa americana do concurso, mas o nome da arena que deverá sediar a final televisionada do certame só deverá ser revelado em março, faltando pouco mais de um mês para o embarque das 50 candidatas para a cidade-sede. A representante de Nevada, que servirá de anfitriã, será eleita no dia 7 de janeiro.
A marcação dessa data para o Miss USA 2018 deverá mexer com a agenda de mídia das 51 candidatas estaduais, que terá de ser antecipada da metade de abril para o final de março. No entanto, essa é uma questão crucial com a qual a Miss Universe Organization terá de lidar na parceria que tem com a FOX desde 2015. Outro ponto sensível é a conciliação de agendas da miss que vai encerrar reinado, Kára McCullough, 26, com as da Miss Universo 2017, a sul-africana Demi-Leigh Nel-Peters, 22, eleita há uma semana, e da Miss Teen USA 2017, Sophia Dominguez-Heithoff, 17. Deverá-se trabalhar uma maneira de que as três estejam juntas em Las Vegas na época do Miss USA 2018. Kára para dizer adeus a seu reinado e as demais para marcarem presença.
A antecipação da data do Miss USA 2018 é a maneira que a FOX vai tentar encontrar para tentar trazer de volta a audiência perdida com o Miss USA 2017, que registrou média domiciliar de 1,8, a segunda pior da história do certame. As primeiras providências de produção do concurso deverão ser tomadas já a partir do final de janeiro, quando começa o processo de pré-produção de externas com as 51 misses e sua posterior edição para ser usada nas mídias sociais oficiais. Os nomes dos apresentadores e comentaristas serão conhecidos apenas em abril, quando a sede do certame já for conhecida.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Outras Venezuelas, Projetos especiais e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Sucessora de Kára McCulough deverá ser eleita em 29 de abril

  1. Pingback: Logística do 67º concurso de Miss USA começou a ser traçada | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s