Redes sociais da MUO não informam, mas realização do Miss Universo 2017 no dia 26 de novembro segue confirmada


Coordenações tem até 31 de outubro para realizar concursos ou aclamar

Da redação TV em Análise

Ted Alibe/Getty Images/29.01.2017


A direção da Miss Universe Organization não emitiu até agora qualquer aviso em suas redes sociais, mas a data de realização da 66ª edição do concurso de Miss Universo segue mantida para 26 de novembro, de acordo com carta enviada no final de julho às 105 coordenações nacionais filiadas. As negociações para a realização do evento no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, seguem a todo vapor. Um comunicado oficial conjunto da MUO e da rede de televisão FOX está em fase de redação para ser distribuído nos próximos dias, detalhando inclusive o horário de início da transmissão, que deve ser às 19h, pelo horário da costa leste americana (16h no horário da cidade de Nevada, que sediará a disputa pela sexta vez).
Das 105 coordenações filiadas à MUO, 58 elegeram candidatas, 23 marcaram datas de concursos nacionais, 12 estão com datas em aberto e 12 não enviarão candidatas. Entre as que ficarão fora do Miss Universo 2017, estão seis que participaram do Miss Universo 2016 – Belize, Dinamarca, Polônia, Sri Lanka, Suíça e Uruguai. No total, a 66ª edição do Miss Universo deverá contar com, no mínimo, 81 candidatas, cinco a menos que o registrado na 65ª edição, realizada no dia 30 de janeiro, em Pasay (região metropolitana de Manila). O total apurado equivale a 77,14% do quadro de coordenações nacionais ativas junto à MUO desde 2014, ano anterior à aquisição por parte do grupo de entretenimento IMG.
As coordenações que não marcaram datas de concursos nacionais tem de agendar as escolhas de suas candidatas para até o dia 31 de outubro. Esse é também o último dia para a realização de eventuais aclamações e também de seletivas nacionais. O grupo é pequeno (representa apenas 11,42% do total de coordenações ativas), mas engloba coordenações como as da China, Itália, Kosovo, Quênia e Vietnã. Do grupinho que está com datas em aberto, apenas Chile, Índia e Trinidad e Tobago tem histórico de títulos de Miss Universo. Das coordenações com histórico de títulos, Alemanha, Canadá, Chile, Espanha, Finlândia, Holanda, Líbano e Peru marcaram datas para eleger suas candidatas.
Numa conversa com internautas no início da tarde da quinta-feira (7), a vencedora do Miss Universo 2016, a francesa Iris Mittenaere, 24, foi instruída por produtores da MUO a não responder perguntas sobre a data e a cidade-sede do Miss Universo 2017.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s