EXCLUSIVO: O quarto quadro de audiências dos concursos nacionais que já foram realizados para o Miss Universo 2017


Etapa brasileira é a 6ª em média domiciliar e a 2ª com mais telespectadores

Da redação TV em Análise

Maristela Colucci/Organização Miss Brasil Universo/19.08.2017


Das 10 etapas nacionais do Miss Universo 2017 cujas audiências foram apuradas pelo TV em Análise Críticas, o Miss Brasil do último sábado (19) teve a sexta maior média domiciliar, ficando à frente inclusive do Miss USA realizado em maio. Em número de telespectadores, o concurso que credenciou a piauiense Monalysa Alcântara, 18, para a disputa do título internacional em Phoenix, daqui a 95 dias, obteve a segunda maior audiência, ficando atrás apenas do concurso da França, realizado em dezembro de 2016.
Pesaram para que o Miss Brasil desbancasse o Miss USA em audiência dois aspectos: o primeiro, a queda de 26% no número de telespectadores da etapa americana acabou dando combustível para que a brasileira viesse a se beneficiar com o ajuste da representatividade de ponto promovido pela Kantar Ibope Media no primeiro dia do ano. E segundo, o crescimento de 7,6% no alcance de telespectadores, que torna o Miss Brasil o concurso mais visto da América do Sul, uma vez que os dados de concursos como os da Venezuela, Colômbia e Argentina não são divulgados da maneira como requer a exatidão matemática da Kantar Ibope, que trabalha nesses países. É óbvio que alguns missólogos vão continuar cobrando por uma rede de maior audiência para o Miss Brasil ao término do contrato com a Band, em 2020. Mas os números apresentados pela Band não deixam margem de que a etapa brasileira do Miss Universo, nas suas mãos desde 2003, deverá ter uma vida mais longa que teve nos períodos da antiga Tupi (1970-1980) e SBT (1981-1989). Veja como ficou o quadro de audiência dos concursos nacionais após o Miss Brasil

A AUDIÊNCIA DOS CONCURSOS NACIONAIS DO MISS UNIVERSO 2017
Fontes: AGB, BRCSA, CIM, Kantar Ibope Media, Médiamétrie e Nielsen
Data País Rede Média/Share Esp/Mil
17/12/2016 França TF1 38,0 7,4
4/5/2017 Porto Rico Wapa 26,4 N/D
5/10/2016 Venezuela Venevisión 15,1/25 N/D
20/3/2017 Colômbia RCN 10,6 N/D
30/4/2017 Filipinas ABS-CBN 2,9 N/D
19/8/2017 Brasil Band 2,5 3,16
26/3/2017 África do Sul Mzansi Magic 2,0/8,7 0,69
14/5/2017 EUA FOX 1,8/3 2,98
14/1/2017 Bélgica AB3 N/D 0,12
12/8/2017 Nova Zelândia Bravo N/D 0,066

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Datamisses, Ibopes da vida, Nossas Venezuelas, Numb3rs, Outras Venezuelas, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s