No quadro de audiências nacionais do Miss Universo 2016, Band só teve mais público que canal pago francês


Emissora paulista teve 4,6 milhões de telespectadores contra 150 mil da Paris Première, que teve recorde com Mittenaere

Da redação TV em Análise

Ted Alibe/Getty Images/29.01.2017


A eleição de Iris Mittenarere como Miss Universo 2016, na madrugada francesa da segunda-feira (30), deu um recorde de audiência ao canal pago Paris Première, que tem a exclusividade do evento no país europeu desde 1992, De acordo com dados do instituto Médiamétrie, 150 mil telespectadores assistiram às três horas de transmissão, que foi da 1 às 4h da madrugada. A repetição do feito histórico de Mittenaere pelo canal proprietário da Paris Première, o M6, também deu cifras significativas de audiência. Porém, nada que impedisse que a festa francesa pela nova Miss Universo fosse a de menor audiência entre oito países pesquisados pela redação do TV em Análise Críticas. De acordo com o cruzamento de informações, a transmissão brasileira da Rede Bandeirantes, emissora aberta, teve muito mais público que a exibição francesa (4,6 milhões de telespectadores contra 150 mil, no confronto dos dados da Kantar Ibope Media com os do instituto francês). A Médiamétrie não divulgou a média nem o share domiciliares da transmissão do Miss Universo na França.
Apesar da lavada de telespectadores sobre a transmissão francesa, a Band tem de se preocupar pelo fato de ter a menor média domiciliar de audiência de sete transmissões nacionais da 65ª edição do Miss Universo às quais o Críticas teve acesso através de informações de sites especializados em cobertura televisiva em cada país pesquisado. A média de 2,5 no Painel Nacional de Televisão é inferior à de 3,5 registrada pela FOX americana. Nos Estados Unidos, a emissora oficial do Miss Universo teve 5,2 milhões de telespectadores e liderou com as três horas de transmissão do certame – 19 às 22h, pelo horário da costa leste, horário esse imposto aos organizadores de edições do certame realizadas fora do território americano, o que foi o caso das Filipinas (concurso de 2016 realizado em janeiro de 2017). No país sede do concurso, a média domiciliar de 44,4 pontos agregada pelas redes ABS-CBN e GMA Network foi digna de novela das oito da Globo nos seus melhores dias. Os números separados da ABS-CBN e GMA estão na tabela abaixo

País Emissora Média Share Espec
(milhões)
Filipinas ABS-CBN 27,4 N/D N/D
GMA 17,0 N/D N/D
Agregado 44,4 N/D N/D
Porto Rico WAPA 30,9 N/D N/D
Colômbia RCN 10,1 N/D N/D
Peru Latina 10,0 N/D N/D
Venezuela Venevisión 4,9 22,5 N/D
EUA FOX 3,5 6 5,21
Brasil Band 2,5 N/D 4,67(*)
França Paris Première N/D N/D 0,15

(*)Baseado no alcance individual do evento em 15 mercados
FONTES: Kantar Ibope Media (Brasil, Colômbia, Peru e Venezuela), Kantar Media (Filipinas), Médiamétrie (França) e Nielsen Media Company (Estados Unidos e Porto Rico)

Anúncios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Ibopes da vida, Nossas Venezuelas, Outras Venezuelas, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s