Lista final de cidades a serem visitadas pelas candidatas a Miss Universo 2016 cai em relação à proposta inicial


Projeção inicial do DOT era trabalhar com 16 cidades. Agora número caiu para 10

Da redação TV em Análise

Sergei Tokmako/Instagram/Maxine Medina/13.12.2016
Maxine Medina, candidata das Filipinas a Miss Universo 2016 durante passeio em santuário de baleias em Cebu, incluída na programação oficial


Com a definição da programação oficial do Miss Universo 2016, frustraram-se as expectativas de muitos gestores filipinos que esperavam ver suas cidades expostas para uma audiência global de meio milhão de telespectadores. A ameaça terrorista do Estado Islâmico obrigou o Departamento de Turismo das Filipinas (DOT, na sigla em inglês) a retirar do programa cidades da ilha de Mindanao, território dominado pelo Abu Sayyaf, célula da organização terrorista que já promoveu dezenas de ataques na Europa e Ásia desde novembro de 2015. Diretores da Miss Universe Organization temiam pela segurança das candidatas quando a lista definitiva de cidades pelas quais o concurso vai passar foi anunciada. São elas: Pasay, Manila, Parañaque, Legazpi, Baguio, Cebu, Lapu-Lapu, Vigan, Batangas e Davao.
Em relação a lista inicial, caíram fora Cagayan de Oro, Iloilo, Mambajao, Puerto Princesa, Samal e Tacloban. Essas cidades, no entanto, poderão ser reincluídas na programação do concurso a critério do Comitê Organizador Filipino (PHC, na sigla em inglês). Mas a grande tendência é que essas cidades permaneçam fora do roteiro das 85 candidatas nacionais. A questão da segurança bem como a integridade física das candidatas preocupa, principalmente em se falando de um barril de pólvora do terrorismo do Sudeste Asiático.
E foi devido à questão do terrorismo que a cidade de Zamboanga, na província de Zamboanga del Sur, em Mindanao (1.332 km ao sul de Manila) foi cortada ainda na fase de seleção oficial das cidades para o Miss Universo 2016. Na história do Miss Universo, se verificaram crises políticas e protestos, porém nunca com o ingrediente perigoso do terrorismo islâmico.

Anúncios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Cidades, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Lista final de cidades a serem visitadas pelas candidatas a Miss Universo 2016 cai em relação à proposta inicial

  1. Pingback: COMEÇA A MOVIMENTAÇÃO DE EMBARQUES DAS CANDIDATAS AO TÍTULO DE MISS UNIVERSO 2016 | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s