Governo filipino orienta agências sobre Miss Universo 2016


Recomendação é não interromper expediente nem gastar recursos públicos no certame

Da redação TV em Análise
Com informações do Inquirer.net

King Rodriguez/Palácio de Malacañang/21.07.2016
Ordem já tinha sido baixada pelo presidente Rodrigo Duterte, mas só virou norma agora através de circular


Todas as agências e escritórios do governo das Filipinas podem apoiar a iniciativa do país sediar a 65ª edição do Miss Universo, a ser realizada daqui a 25 dias na Mall of Asia Arena, em Pasay. No entanto, esses órgãos estão proibidos de interromper seus expedientes ou aplicar verbas na realização e divulgação do concurso. O secretário executivo de Governo, Salvador Medialdea, 65, baixou p Memorando Circular nº 13, na quarta-feira (28), pedindo às agências ajuda no que chama de “sucesso” para a organização do certame, cuja programação oficial começa no sábado (14), com um evento de boas vindas às 85 candidatas.
Todo o investimento de US$ 11 milhões veio da iniciativa privada, através de um consórcio de investidores liderado pela LCS Group of Companies, pertencente ao ex-governador da província de Ilocos Sur, Luis Chavit Singson, 75, em associação com a Universal Entertainment Corporation, Solar Entertainment, SM Group e Philippine Airlines, em coordenação com o Departamento de Turismo (DOT, na sigla em inglês). O DOT prestará assistência a todas as agências do governo, prefeituras municipais e governos provinciais.
A circular apenas reforça uma orientação anterior do presidente Rodrigo Duterte, 71, que proibiu o uso de verbas públicas para financiar a organização do Miss Universo 2016. As Filipinas sediaram o Miss Universo em duas oportunidades anteriores, 1974 e 1994.

Anúncios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s