Concurso de Miss Universo acumula 111 horas de transmissões televisivas desde 1960


Dados já incluem o concurso de 2016, que ocorrerá daqui a 58 dias, nas Filipinas

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Alexander Nemenov/AFP/09.11.2013
Moscou foi uma das 33 cidades pelas quais passaram as transmissões do Miss Universo

Presente na televisão desde 1960, o concurso de Miss Universo chega à 65ª edição, a ser realizada daqui a 58 dias na Mall of Asia Arena, em Pasay (região metropolitana de Manila), com uma quantidade acumulada de 111 horas de transmissões realizadas em 33 cidades de 23 países dos cinco continentes. A quantidade inclui o Miss Universo 2016, apesar de o concurso ainda nem ter sido realizado. Se descontarmos o concurso de 2016, o Miss Universo acumulou desde 1960 108 horas de transmissões nessas mesmas cidades.
No período, a geração oficial do Miss Universo, feita inicialmente por uma firma sediada em Miami, a Tel-Air Enterprises, que já não existe mais, passou por três redes – CBS (1960-2002), NBC (2003-2014) e FOX (desde 2015). Quando começou a ser televisionado, em 1960, o Miss Universo já tinha passado da Pacific Mills para a Kayser-Roth, na primeira de suas nove trocas de controle acionário. Em 1970, o concurso começou a ser transmitido via satélite para fora dos Estados Unidos, mas para poucas emissoras interessadas. No Brasil, as transmissões do Miss Universo tiveram início em 1971, na extinta Rede Tupi. As transmissões em cores do concurso tiveram início em 1966.
Em termos proporcionais, a quantidade de horas transmitidas do concurso Miss Universo é praticamente a mesma de emissoras que transmitiram a Olimpíada de Verão do Rio de Janeiro, como Globo, Band (detentora do Miss Universo até 2015) e Record. Se fossem ao ar de forma contínua, todas as 56 edições já televisionadas do Miss Universo ocupariam a programação de uma única emissora durante quatro dias e meio. O número também equivaleria a oito maratonas de uma única temporada de House of Cards – o drama político acumula até agora 52 horas de exibição nas quatro temporadas já produzidas.

DEPOIS DE 1972, DURAÇÃO DO CONCURSO SÓ AUMENTOU
Na tabela, a quantidade de horas das transmissões do Miss Universo por período
Período Duração
1960-1971 1h30
1972-2013 2h
2014-2016 3h
DE 1960 A 1977, TRANSMISSÃO AMERICANA DO MISS UNIVERSO COMEÇOU DEPOIS DAS 22h
A partir de 1978, concurso começaria uma série de sete trocas de horário
Fontes: Guias de programação do Pitsburgh Post-Gazette, The Madison Courier, Eugene Register-Guard, Lawiston Morning Tribune e The Michigan Daily (via Google News) e banco de dados do TV em Análise Críticas
Período Início Término
1960 22h30 0h
1961-1971 22h 23h30
1972-1977 22h 0h
1978-1993 21h 23h
1994-1995 20h 22h
1996-2011 21h 23h
2012 20h 22h
2013 21h 23h
2014 20h 23h
2015-2016 19h 22h
AS CIDADES DA ERA TELEVISIONADA DO MISS UNIVERSO
Cidade/País Edições
Miami Beach (USA) 1960, 1961, 1962, 1963, 1964, 1965, 1966, 1967, 1968, 1969, 1970, 1971, 1997
Dorado (PUR) 1972
Atenas (GRE) 1973
Pasay (PHI) 1974, 1994, 2016
San Salvador (ESA) 1975
Hong Kong (HKG) 1976
Santo Domingo (DOM) 1977
Acapulco (MEX) 1978
Perth (AUS) 1979
Seul (KOR) 1980
Nova York (USA) 1981
Lima (PER) 1982
Saint Louis (USA) 1983
Miami (USA) 1984, 1985, 2014
Cidade do Panamá (PAN) 1986, 2003
Cingapura (SIN) 1987
Taipé (TPE) 1988
Cancún (MEX) 1989
Los Angeles (USA) 1990, 2006
Las Vegas (USA) 1991, 1996, 2010, 2012, 2015
Bangcoc (THA) 1992, 2005
Cidade do México (MEX) 1993, 2007
Windhoek (NAM) 1995
Honolulu (USA) 1998
Chaguaramas (TTO) 1999
Nicósia (CYP) 2000
Bayamón (PUR) 2001
San Juán (PUR) 2002
Quito (ECU) 2004
Nha Trang (VIE) 2008
Nassau (BAH) 2009
São Paulo (BRA) 2011
Moscou (RUS) 2013
Anúncios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Datamisses, Numb3rs, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s