A 102 dias de sua realização, Miss Universo 2016 ‘some’ da imprensa filipina


A quem interessa impor esse silêncio?

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Reprodução/Missosology

Antes intensas, as notícias sobre a preparação das Filipinas para o concurso Miss Universo 2016, que acontece daqui a 102 dias na Mall of Asia Arena, em Pasay (região metropolitana de Manila), praticamente sumiram da imprensa local. Se existe o empenho ao máximo das partes de Pia Wurtzbach, Wanda Teo, Katherine “Kat” de Castro e Rodrigo Duterte, na outra ponta da linha, a tropa de choque liderada por Ari Emanuel e Patrick Whitesell proibiu a presidenta da Miss Universe Organizxation, Paula Shugart, e outros diretores da entidade de darem declarações públicas sobre o assunto.
Se existe o “amor à camisa” denotado pela Miss Universo 2015 nas reuniões que teve com Duterte e as diretoras do Departamento de Turismo das Filipinas (DOT, na sigla em inglês), esse realmente existiu. Agora, não dá mais para assumir tal condição. O relógio para a emissão do primeiro press release da WME/IMG sobre o Miss Universo 2016, fora o e-mail interno enviado às 104 coordenações nacionais filiadas sobre regras de certames locais, está correndo. E este não pode ser interrompido de forma alguma com declarações públicas que nada acrescentem ao que já está decidido.
Desde 15 de julho, todos já estão cansados de saber que as Filipinas serão o país sede da 65ª edição do Miss Universo. O leitor do TV em Análise Críticas tem acompanhado com atenção cada minúcia do desenlace das tratativas com cinco cidades, para ver qual levaria. A escolha da MOA foi a mais sensata. Primeiro, por que fica numa cidade que tem laços históricos e experiência na organização de edições do Miss Universo. E segundo, para aproximar as candidatas da programação a ser firmada junto ao poder central, no palácio de Malacañang, na capital, Manila, no bairro de San Miguel.
Mas, por que os principais jornais e sites das Filipinas cessaram as notícias sobre o Miss Universo 2016? Medo de levarem uma reprimenda da WME/MUO sobre sigilo contratual? Medo de que detalhes do contrato “vazem” para esses órgãos de imprensa, tão interessados na divulgação dos fatos inerentes ao concurso? Ou o estão fazendo para não “cansar” a pauta de seus leitores, ouvintes e telespectadores?
É nítido que o entusiasmo inicial com a vitória de Pia, encerrando um jejum de 42 anos sem títulos para o país, acendeu o interesse das Filipinas em acelerar as negociações para receber o Miss Universo 2016, poucos meses após a coroação de Pia, em Las Vegas, como Miss Universo 2015, em 20 de dezembro de 2015. Nas Filipinas, os concursos de misses são uma paixão nacional tão importante quanto o são o futebol e o vôlei para o Brasil, o beisebol para a Venezuela, o futebol para a Colômbia e os rentáveis futebol americano, hóquei sobre o gelo, beisebol e basquete profissional e universitário o são para os Estados Unidos. Mas q quem interessa esse silêncio? A WME/IMG, que quer (e já está impondo) uma “lei da mordaça”? À rede de televisão aberta FOX, que não quer ver afetadas suas estratégias de mid-season para janeiro de 2017 depois do vácuo deixado com o fim do American Idol? Às coordernações nacionais? Ou aos investidores e patrocinadores, que querem um tempo para “arrumar a casa” e “colocar as coisas em ordem”?

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s