WME/IMG já orientou coordenações nacionais sobre data do Miss Universo 2016


Concurso vai acontecer daqui a 107 dias, em Pasay, nas Filipinas

Da redação TV em Análise
Com reportagem de João Eduardo Lima

John Locher/AP Photo/20.12.2015
Candidatas cumprirão programação entre os dias 13 e 30 de janeiro de 2017

A menos de uma semana de emitir seu primeiro press releases oficial, a WME/IMG, dona da Miss Universe Organization, já adotou as primeiras providências para a definição da data do concurso Miss Universo 2016. A primeira delas, foi enviar um comunicado urgente a todas as 107 coordenações nacionais franqueadas informando da alteração da data do certame – de 18 de dezembro, passará para 29 de janeiro de 2017. O contrato com a cidade de Pasay (região metropolitana de Manila, capital das Filipinas) está em fase final de redação e acerto de detalhes jurídicos e financeiros. Certa mesmo, desde já, é a realização da 65ª edição do Miss Universo nas Filipinas, decidida desde agosto.
No entanto, a questão que era para ser confidencial aos coordenadores, acabou se tornando pública através de um post da coordenação da Colômbia, que confirma a data do Miss Universo 2016 para janeiro de 2017, mas vai acabar afetando a realização de etapas nacionais do Miss Universo 2017 que deveriam ocorrer entre novembro e dezembro. É o caso da própria Colômbia e de Angola, que se virão obrigadas a adiar suas disputas. A França, no entanto, se manteve irredutível e vai manter seu concurso nacional para 17 de dezembro, para atender compromissos da geradora, a TF1, e anunciantes.
No Brasil, diretores da Organização Miss Brasil Universo, joint venture da Polishop, WME/IMG e Ford Models já admitem publicamente a data do Miss Universo 2016 para janeiro do ano seguinte. Já atenta aos relatos da imprensa filipina, uma equipe da Band já se encarrega de informar os leitores do site oficial do Miss Brasil das mudanças, que agora são oficiais, em matérias correlatas aos primeiros dias de reinado de Raíssa Santana, candidata brasileira ao título de Miss Universo, na condição de Miss Brasil 2016.
Na matéria da coordenação do concurso da Colômbia, coordenações nacionais foram orientadas a não elegerem duas candidatas acumuladas – de 2016 e 2017, por exemplo. Na carta, a WME/IMG orienta os coordenadores a só elegerem candidatas para o Miss Universo 2016, a despeito de sua data não dizer respeito ao ano em questão. A ocorrência anterior desse tipo de caso se deu em 2014, quando a vencedora foi anunciada em 25 de janeiro de 2015, em Miami. Já na administração da WME/IMG, o Miss Universo 2015 ocorreu em 20 de dezembro de 2015, em Las Vegas. Dada a mudança recente de controle acionário, a MUO não foi atrás de uma cidade-sede, optando pela solução caseira de realizar o evento em Las Vegas. Questões políticas da antiga administração do certame tiraram a sede do Miss Universo 2015 de Bogotá, capital da Colômbia, e forçaram sua antecipação de 17 de janeiro de 2016 para 20 de dezembro de 2015.
Pela orientação da WME/IMG, concursos nacionais com valia para o Miss Universo 2017 só poderão ser realizados após 1º de março de 2017 e até um mês antes do embarque das candidatas nacionais para o país sede do Miss Universo 2017, a ser escolhido posteriormente. A data base para o Miss Universo 2017 deverá ser a mesma do Miss Universo 2016. Até o fechamento desta matéria, 71 países e territórios já tinham eleito ou aclamado suas candidatas para o Miss Universo 2016.
O local de realização do Miss Universo 2016 já está decidido: será a Mall of Asia Arena, em Pasay, cidade que já recebeu o Miss Universo em 1974 e 1994, em dois locais distintos – o Centro Cultural das Filipinas e o Centro Internacional de Convenções das Filipinas. Além desta, outras 10 cidades das Filipinas serão visitadas pelas candidatas entre os dias 13 e 30 de janeiro, em programação que já está sendo trabalhada pela MUO e pelo Departamento de Turismo (DOT, na sigla em inglês). Detalhes de apresentadores, jurados e atrações musicais serão anunciados em comunicados posteriores.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para WME/IMG já orientou coordenações nacionais sobre data do Miss Universo 2016

  1. Pingback: Organização adiantada dos concursos estaduais do Miss USA 2017 expõe problema gravíssimo do Miss Brasil | TV em Análise Críticas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s