A íntegra da declaração do Departamento de Turismo das Filipinas sobre a situação da sede do Miss Universo 2016


Órgão do governo expressa “gratidão” com a Miss Universe Organization e espera ganhos no turismo com o certame

Da redação TV em Análise

Kevin dela Cruz/Manila Bulletin/25.01.2016
Para autoridades, concurso será “oportunidade de ouro” para Pia Wurtzbach coroar sua sucessora

Em resposta a mais uma leva de altercações de jornalistas e de feministas contra a realização do concurso Miss Universo 2016, daqui a 110 dias, na Mall of Asia Arena, em Pasay (região metropolitana de Manila), reportada no início da tarde desta terça-feira (11) pelo TV em Análise Críticas, o Departamento de Turismo das Filipinas (DOT, na sigla em inglês) emitiu a seguinte declaração pública:

A decisão governamental de aceitar a oferta da Miss Universe Organization para realizar o espetacular concurso (de Miss Universo) nas Filipinas ganhou um apoio público maciço, especialmente entre as mulheres filipinas e suas famílias.
Antes de mais nada, esta é uma ocasião especial e orgulhosa onde nós somos presentados com a oportunidade de ouro de sediar o evento no qual a Miss Universo reinante, Pia Alonzo Wurtzbach, de Cagayan de Oro, poderá passar a Coroa para sua sucessora.
Além disso, a massiva presença da mídia internacional para duas semanas de festa pode ser um grande incremento para o programa de promoção do turismo do país, que vai beneficiar negócios locais e o sustento, bem como viagens e o setor do turismo.
Enquanto o DOT respeita cada opinião como a significada por um grupo de líderes feministas e cidadãos preocupados, nós asseguramos a todos que será uma grande honra sediar este evento distinto que mostra as mulheres mais belas e talentosas com maior respeito.
À esta luz, o DOT expressa a profunda gratidão com a Miss Universe Organization de presentar-nos com a grande oportunidade de tratar o mundo da genuína hospitalidade filipina

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Comunicados e press-releases, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s