EXCLUSIVO: 18 candidatas nacionais já eleitas para o Miss Universo 2016 são mais altas que Kendall Jenner, terceira modelo mais bem paga do mundo


A número 3 diante de um time de gigantes

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Anne-Christine Poujoulat/AFP/Getty Images


A envergadura da moça está posta à prova

Apesar de ter registrado ganhos de US$ 10 milhões (R$ 33 milhões) em 2016, sendo a terceira modelo mais bem paga do mundo de acordo com o levantamento mais recente da revista econômica Forbes, Kendall Jenner, 20, em termos de altura (1,79), perde feio para 18 candidatas nacionais que já estão confirmadas no Miss Universo 2016. É o que atesta um levantamento exclusivo do TV em Análise Críticas tomando como base as alturas das 62 candidatas nacionais já confirmadas até à data para a disputa.
Da retranca de misses para Jenner, as mais altas candidatas são a dominicana Rosalba “Sal” Garcia e a jamaicana Isabel Dalley, ambas com 1,88. Estão 1 cm mais altas que a estrela de realities a albanesa Lindita Idrizi, a antiguana Leanda Ann Norville, a australiana Caris Tivel, a georgiana Nuka Karalashvili, a haitiana Raquel Pélissier, a kosovar de origem argentina Camila Barraza, a montenegrina Katarina Kekovic, a nicaraguense Marina Jacoby e a venezuelana Mariam Habach. A tábua detalhada de comparações está no gráfico abaixo

LA JENNER E AS GIGANTES
Altura de estrela de realities é menor que a de certas candidatas ao título de Miss Universo 2016, que poderiam formar um time de basquete
Candidata Altura
Lindita Idrizi (ALB) 1,80
Luísa Baptista (ANG) 1,85
Leanda Ann Norville (ANT) 1,80
Charlene Leslie (ARU) 1,83
Caris Tivel (AUS) 1,80
Rebecca Rath (BLZ) 1,80
Sal Garcia (DOM) 1,88
Nuka Karalashvili (GEO) 1,80
Raquel Pélissier (HAI) 1,80
Kezia Warouw (INA) 1,83
Isabel Dalley (JAM) 1,88
Camila Barraza (KOS) 1,80
Katarina Kekovic (MNE) 1,80
Lizelle Esterhuizen (NAM) 1,85
Marina Jacoby (NIC) 1.80
Bojana Bojanic (SRB) 1.83
Alena Spodynyuk (UKR) 1.83
Mariam Habach (VEN) 1.80
Altura Kendall Jenner 1,79

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Datamisses, Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s