Eleição de Letícia Kuhn como Miss Rio Grande do Sul freia queda de audiência dos boletins do Miss Brasil 2016


Informes sobre candidatas estaduais apresentaram crescimento no período de realização da etapa gaúcha do Miss Universo 2016

Da redação TV em Análise

Antares Martins/Organização Miss Brasil Universo/24.07.2016


Letícia Kuhn durante gravação de seu boletim às margens do rio Guaíba

A decisão da Band em transmitir nacionalmente o Miss Rio Grande do Sul 2016 fez bem aos boletins informativos que a emissora transmitiu nas noites dos últimos dois sábados de julho. De acordo com números da empresa Kantar Ibope, relativos aos 15 mercados integrantes do Painel Nacional de Televisão (PNT) – São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Vitoria, Salvador, Recife, Fortaleza, Belém, Manaus, Brasília, Goiânia, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre, houve crescimento de 2,15% no número de telespectadores entre o boletim veiculado na noite do concurso gaúcho (23 de julho) e o boletim que mostrou a vencedora do certame, Letícia Kuhn, 22, veiculado entre as 22h08 e 22h09 do dia 30 de julho. A média individual se manteve em 0,4 ponto.
Vista por 258.650 telespectadores, a pílula biográfica de Kuhn, gravada às margens do rio Guaíba, na zona norte de Porto Alegre, na tarde do domingo (24), teve o segundo maior público registrado até agora entre os sete boletins que a Band veiculou para o projeto do Miss Brasil 2016. Os números nacionais do boletim mais recente, veiculado neste sábado (7/8), com a candidata da Bahia, Juliana Oliveira, serão liberados pela Kantar Ibope nesta quarta-feira (11). Os dados relativos ao boletim de Letícia Kuhn foram liberados na manhã desta segunda-feira (9). Abaixo, o evolutivo detalhado

Data Espec. Média (ind) Evolução (espec./%)
4/6/2016 266.810 0,4
18/6/2016 280.520 0,4 5,13
25/6/2016 250.640 0,4 -10,65
2/7/2016 240.150 0,3 -4,19
9/7/2016 247.680 0,4 3,13
23/7/2016 253.190 0,4 2,22
30/7/2016 258.650 0,4 2,15
Média/Período 256.805 0,4
Evolução/Período -3,05
Anúncios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Ibopes da vida, Nossas Venezuelas, Numb3rs, Projetos especiais e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Eleição de Letícia Kuhn como Miss Rio Grande do Sul freia queda de audiência dos boletins do Miss Brasil 2016

  1. Pingback: Mais cedo durante Olimpíada, audiência dos boletins de candidatas ao Miss Brasil 2016 cai bruscamente | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s