Por ‘residência’ em Las Vegas, datas dos concursos Miss USA e Miss Universo já teriam sido fechadas até 2018


Miss Universo 2016 vai ocorrer no dia 18 de dezembro e Miss USA 2017 deverá ser realizado no dia 4 de junho

Da redação TV em Análise

Miss Universe Organization/Divulgação/05.06.2016


Os dois eventos passarão a ocorrer na T-Mobile Arena

Diretores da Miss Universe Organization e de sua controladora, a empresa de entretenimento WME/IMG, já teriam fechado questão em relação às datas dos concursos Miss USA e Miss Universo pelos anos em que fizer “residência” na T-Mobile Arena e no resort MGM Grand, em Las Vegas. De acordo com essas fontes, o concurso Miss Universo 2016 já teria fechada a data de 18 de dezembro, um domingo, para tomar como referência a data de realização do Miss Universo 2015 (20 de dezembro, no teatro The AXIS, do Planet Hollywood Resort and Casino, situada em outra região da Las Vegas Strip).
De acordo com as fontes da MUO, a marcação das datas do Miss USA e do Miss Universo para o chamado “calendário fixo” (já usado por premiações como o Oscar, o Grammy e o American Music Awards, com os quais a presidenta da entidade, Paula Shugart, já trabalhou) visa atender a uma “padronização do setor de eventos de premiação televisionada”. Quando dependeu do aval de governos estrangeiros e parceiros privados internacionais, o concurso de Miss Universo começou a sofrer com a irregularidade na marcação de datas em 1987. Nesse ano, o concurso saiu de julho para maio, o que preocupou muitas coordenações nacionais, inclusive a do Brasil, à época gerida pelo Sistema Brasileiro de Televisão (SBT). Em 1990, o Miss Universo foi antecipado para abril e voltaria para maio no ano seguinte. Já na gestão Trump, em 2003, o concurso foi adiado para junho e assim ficou até 2004. Voltou para maio em 2005 e foi adiado para julho em 2006 para evitar choque com a Copa do Mundo FIFA da Alemanha. Foi realizado pela última vez no mês de maio em 2007. A partir de 2008, o Miss Universo experimentou uma série de adiamentos mensais – de maio para julho em 2008, de julho para agosto em 2009 e 2010, de agosto para setembro em 2011 e de setembro para dezembro em 2012. Em 2013, o concurso foi antecipado para novembro. Já o concurso de 2014 só foi realizado no dia 25 de janeiro de 2015. No mesmo ano, já sob a nova administração, o Miss Universo 2015 ocorreu em dezembro.
Para evitar essa gangorra de datas, a MUO já estaria acelerando negociações com o Las Vegas Convention Visitors Authority, a MGM Resorts International e a Anschulz Entertainment Group, proprietárias da T-Mobile Arena e do MGM Grand, em ordem analógica. Uma fonte ligada à presidência da organização do Miss Universo adiantou ao Críticas no início da noite desta quinta-feira (9) que “a parceria com a MGM Grand/The Park (local onde fica a arena do Miss Universo) trará lucros significativos para a já expressiva indústria de eventos de Vegas. Todo ano um artista A, B ou C, seja cantora latina, cantor country da velha guarda ou até mesmo o Cirque du Soleil vem fazer “residências” de seus espetáculos na cidade. Por que então o Miss Universo e o Miss USA não podem fazer essa experiência importante?”, questiona o representante da MUO, citando casos de Jennifer Lopez, Céline Dion, Frank Sinatra, George Strait, Britney Spears, Nick Jonas, dentre outros.
Pelo planejamento proposto, o Miss Universo obedeceria ao seguinte cronograma de datas, todas num domingo: 18 de dezembro de 2016, 17 de dezembro de 2017 e 16 de dezembro de 2018. Para o Miss USA, o calendário seria este: 4 de junho de 2017 e 3 de junho de 2018. Procurada pela reportagem, a MUO disse desconhecer tal planejamento e apenas confirma a existência de negociações com o LVCVA, a AEG e a MGM Resorts International. Nos Estados Unidos, os direitos de transmissão dos dois eventos são da FOX, em um contrato que vai até 2020, assinado em novembro do ano passado, no valor de US$ 67,5 milhões. A distribuição internacional dos dois eventos é da Alfred Haber.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Por ‘residência’ em Las Vegas, datas dos concursos Miss USA e Miss Universo já teriam sido fechadas até 2018

  1. Pingback: Proposta filipina pode empurrar Miss Universo 2016 para 29 de janeiro de 2017. ‘Residência’ em Las Vegas estaria ameaçada | TV em Análise Críticas

  2. Pingback: FOX deverá usar TCA Summer Press Tour para confirmar data do concurso Miss Universo 2016 | TV em Análise Críticas

  3. Pingback: Cássio Reis e Mariana Rios só serão usados pela Band no Miss Brasil 2016 e estaduais de transmissão nacional | TV em Análise Críticas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s