Com global na apresentação e negra eleita, concurso Miss São Paulo registra a sexta maior audiência desde 2006


Certame teve 18% a mais de público em relação ao Miss São Paulo 2015

Da redação TV em Análise

Organização Miss Brasil Universo/Divulgação/28.05.2016


Sabrina de Paiva representou o município de Caconde, a 289 km da capital

A despeito das críticas de um grupo de missólogos à presença da atriz contratada da Globo Mariana Rios, 30, na sua apresentação, o concurso Miss São Paulo 2016, primeiro sob administração da Polishop, mas ainda transmitido pela Band na noite do sábado (28), teve um crescimento de 17,99% no número de telespectadores em relação ao registrado co concurso do ano passado, realizado no Palácio das Convenções do Anhembi. É o que atesta a medição da Kantar Ibope Media realizada na Grande São Paulo, tomada como referência para publicação na maioria dos sites especializados que cobrem o meio televisão. O Miss São Paulo 2016 também entrou para a história por ser a primeira edição da etapa paulista do Miss Brasil válido pelo Miss Universo a eleger uma negra – a estudante Sabrina de Paiva, 20, candidata da cidade de Caconde (região de São João da Boa Vista, 289 km ao norte da capital paulista).
Com a liberação dos dados consolidados no início da tarde desta segunda-feira (30), o Miss São Paulo 2016 se tornou a sexta edição do certame de maior audiência desde que passou a integrar a grade da Band em 2006, quando a transmissão ainda era regional. A audiência registrada pelo concurso realizado no Citibank Hall se aproximou da registrada no Miss São Paulo 2013 em número de telespectadores (514.386 ante 520.279). No entanto, houve nesse período um crescimento de 4,04% no número de domicílios ligados no certame (de 173.465 para 180.484). Ainda assim, o número é 13,72% menor em relação ao de domicílios ligados verificado no Miss São Paulo 2006. Abaixo, o histórico detalhado da audiência do Miss São Paulo entre 2006 e 2016

EVOLUÇÃO DE AUDIÊNCIA DO CONCURSO MISS SÃO PAULO NAS MEDIÇÕES DO IBOPE NA GRANDE SÃO PAULO
Os dados são referentes às edições de 2006 a 2016
Ano Rede Média Telespectadores Domicílios
2006 Band 4,0 704.000 209.200
2007 Band 3,5 624.050 190.400
2008 Band 5,5 1.210.000 305.250
2009 Band 4,0 880.000 233.200
2010 Band 2,0 329.972 116.600
2011 Band 2,0 367.040 116.470
2012 Band 2,0 367.040 120.408
2013 Band 2,8 520.279 173.465
2014 Band 2,2 425.218 143.442
2015 Band 2,2 435.956 147.648
2016 Band 2,6 514.386 180.484

Equivalências de ponto:
2006: 176.000 telespectadores e 52.300 domicílios
2007: 178.300 telespectadores e 54.400 domicílios
2008: 220.000 telespectadores e 55.500 domicílios
2009: 220.000 telespectadores e 58.300 domicílios
2010: 164.986 telespectadores e 58.300 domicílios
2011: 183.520 telespectadores e 58.235 domicílios
2012: 185.000 telespectadores e 60.204 domicílios
2013: 185.814 telespectadores e 61.952 domicílios
2014: 193.281 telespectadores e 65.201 domicílios
2015: 198.162 telespectadores e 67.113 domicílios
2016: 197.814 telespectadores e 69.417 domicílios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Ibopes da vida, Nossas Venezuelas, Numb3rs, Projetos especiais e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Com global na apresentação e negra eleita, concurso Miss São Paulo registra a sexta maior audiência desde 2006

  1. Pingback: Na Grande São Paulo, Miss Rio Grande do Sul 2016 dá a quinta maior audiência do sábado para a Band, mas concurso corre risco de cair fora do top 10 semanal da emissora | TV em Análise Críticas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s