Band fecha cronograma de disputas estaduais do Miss Brasil 2016 para atender grade. Etapa brasileira do Miss Universo acontecerá na véspera de eleição para prefeitos e vereadores


Bahia abre e Sergipe e Piauí encerram calendário de certames

Da redação TV em Análise
(Atualizado em 4/3/2016 às 13h02)

Lucas Ismael/Band/Divulgação/18.11.2015


Marthina Brandt fará sucessora antes da abertura das urnas

A Rede Bandeirantes e a empresa de varejo Polishop liberaram no início da tarde desta quinta-feira (3) o cronograma de realização das 27 etapas estaduais do concurso Miss Brasil 2016, que credenciará a representante do país para o concurso Miss Universo 2016. De acordo com o calendário, a Bahia será o primeiro Estado a realizar certame, no sábado, 30 de abril. Em maio, quatro Estados deverão eleger suas candidatas: Amazonas (7/5), Paraná (14/5), Roraima (21/5) e São Paulo (28/5).
De acordo com o esquema formatado pela Band, todos os concursos estaduais programados ocorrerão num sábado, para atender às necessidades de transmissão local dos certames por parte das afiliadas da emissora. No entanto, nem todos os Estados farão transmissões de certames a nível local. É o caso de Goiás e Maranhão, cujas coordenações possuem contratos de parceria de mídia com órgãos de imprensa de grupos concorrentes da Band, no caso, o jornal Diário da Manhã de Goiânia e o Sistema Mirante de Comunicação (MA), afiliado da Rede Globo em São Luís. De acordo com fontes da Organização Miss Brasil, esses contratos terão de ser rescindidos para dar espaço às transmissões das afiliadas da Band nessas regiões (TV Goiânia e TV Maranhense, respectivamente).
Apesar de serem os últimos Estados a realizarem certames para o Miss Brasil 2015, no dia 10 de setembro, Piauí e Sergipe podem nem ter suas disputas televisionadas, pois a Band não possui afiliadas nesses Estados. Na mesma situação se enquadra Alagoas, que realiza sua disputa no dia 13 de agosto.

Coordenadores municipais terão mais dificuldades com novo modelo

De acordo com as diretrizes apresentadas pela Polishop, as cerca de 350 coordenações municipais terão de apresentar uma carta das candidatas eleitas nas disputas para as respectivas coordenações estaduais. Por exemplo, se uma moça é eleita Miss Campina e precisa concorrer ao Miss São Paulo, terá de apresentar uma carta do prefeito Jonas Donizette, 50 (PSB), para assegurar presença na disputa estadual. Na mesma situação se enquadrarão as candidatas que já foram eleitas no Piauí e na Bahia, de acordo com as coordenações locais.
Fontes do Comitê Nacional de Coordenadores de Concursos de Beleza (CNCCB) informaram ao TV em Análise Críticas que o modelo da Polishop para as disputas municipais válidas pelas disputas estaduais “praticamente mata um modelo que se estabeleceu há mais de 60 anos, passado de geração para geração”. Um assessor de uma importante coordenação municipal do Miss São Paulo confidenciou, com forte sotaque nordestino, que “a Band quer meter o garrote nos pequenos coordenadores municipais, que muitas vezes matam seus escassos recursos para se submeterem a uma sanha de ganância inescrupulosa, a que se propõe a tal de Be Emotion, mais ansiosa por comercial que custa os olhos da cara e o globo ocular dos velhinhos de São Bernardo do Campo no intervalo do Fintástico da Globo do que resultados concretos no Miss Universo. Estamos há 46 anos cansados dessas mentiras, sejam elas inventadas por Record, SBT, Gaeta, Goldman Sachs (banco americano e um dos principal doador da campanha da pré-candidata democrata à Casa Branca, Hillary Clinton, 68), Enter, Polishop ou o que o diabo valha”.

Respostas políticas de misses já preocupam a Band

Ainda de acordo com o calendário apresentado pela Band, o Miss Brasil 2016 será realizado no dia 1º de outubro, véspera do primeiro turno da eleição para prefeitos e vereadores de 5.565 municípios em todo o país. Setores da emissora temem um eventual uso político do certame para incitar candidatos de oposição à presidenta da República Dilma Rousseff, ao vice-presidente Michel Temer, ao presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e ao presidente do Senado Federal Renan Calheiros (PMDB-AL).
Caso alguma das finalistas do Miss Brasil 2016 use respostas políticas para atacar candidatos governistas e a membros do Governo Federal, a Band estará sujeita às punições previstas nas normas que regem as eleições municipais de 2016, editadas pelo ministro do TSE Gilmar Mendes. O medo de alguns coordenadores é que se repita a demonstração de hostilidade ao PT dada no Miss Brasil 2007 dada pela candidata de Minas Gerais, Natália Guimarães, que acabaria eleita. Na resposta, Natália fez elogios ao então governador de seu Estado, Aécio Neves, 55 (PSDB), o que caracterizou ligação da então direção do certame, coordenada pela empresa Gaeta Promoções e Eventos, com o esquema de tráfico de influência liderado pelo político mineiro, hoje senador da República e um dos políticos citados nas delações da Operação Lava Jato da Polícia Federal, que investiga esquema de propinas na Petrobras para pagamento de campanhas de candidatos de diversos partidos nas eleições gerais de 2014, incluindo políticos do PT, PMDB. DEM, PSDB e Solidariedade, marqueteiros de campanhas políticas e diretores de estatais. De acordo com denúncia do TV em Análise Críticas publicada em 31 de março de 2014, o esquema fez ameaças de processos judiciais contra blogs independentes que denunciam malfeitos de coordenações estaduais ligadas ao Miss Brasil-Miss Universo. Àquela altura, a coordenação do Miss Brasil já estava nas mãos da Enter, empresa de eventos que a Band fechou em janeiro, demitindo 150 profissionais em meio a um processo de reestruturação.

Quase todos os certames ocorrerão fora das Olimpíadas

Pelo cronograma, apenas Alagoas (13 de agosto) fará concurso válido pelo Miss Brasil 2016 durante o período da Olimpíada de Verão do Rio de Janeiro, que vai de 5 a 21 de agosto. Abaixo, as datas das outras disputas:

30/4-Bahia
7/5-Amazonas
14/5-Paraná
21/5-Roraima
28/5-São Paulo
4/6-Mato Grosso e Maranhão
18/6-Amapá e Tocantins
25/6-Rio Grande do Sul e Ceará
2/7-Minas Gerais e Paraíba
9/7-Distrito Federal e Mato Grosso do Sul
16/7-Rio de Janeiro e Acre
23/7-Pernambuco e Goiás
30/7-Pará
27/8-Rondônia e Santa Catarina
3/9-Rio Grande do Norte e Espírito Santo
10/9-Piauí e Sergipe

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Nossas Venezuelas, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

16 respostas para Band fecha cronograma de disputas estaduais do Miss Brasil 2016 para atender grade. Etapa brasileira do Miss Universo acontecerá na véspera de eleição para prefeitos e vereadores

  1. Pingback: EXCLUSIVO: Entre seis etapas nacionais do concurso Miss Universo 2015, Miss Brasil registrou a segunda pior audiência | TV em Análise Críticas

  2. Pingback: Em evento de programação para 2016, Band boicota concursos de misses | TV em Análise Críticas

  3. Pingback: Parte das 27 coordenações do Miss Brasil válido pelo Miss Universo não tem estrutura para produzir certames de 2016. Band vai advertir Goiás por parceria com concorrente | TV em Análise Críticas

  4. Pingback: Depois do ‘quando’, concurso Miss Brasil 2016 precisa responder ao ‘onde’ | TV em Análise Críticas

  5. Pingback: Coordenadores municipais pedem adiamento do Miss São Paulo 2016 para agosto | TV em Análise Críticas

  6. Pingback: Após carta à Band e ameaça de rompimento, coordenadora abre inscrições de etapa da capital do Miss São Paulo 2016 | TV em Análise Críticas

  7. Pingback: Nova proprietária do concurso Miss Brasil, Polishop acumula 148 reclamações no Procon de São Paulo desde 2009 | TV em Análise Críticas

  8. Pingback: Band e Polishop iniciam padronização dos concursos estaduais do Miss Brasil 2016 | TV em Análise Críticas

  9. Pingback: Depois da definição brasileira superacelerada, coordenação do Miss USA está mais dependente da TV para definição da data do concurso de 2016 | TV em Análise Críticas

  10. Pingback: EXCLUSIVO: Emissoras da Band em 11 Estados devem transmitir concursos estaduais do Miss Brasil 2016 | TV em Análise Críticas

  11. Pingback: Possibilidade de cassação de Dilma e Temer pelo TSE pode levar Band a adiar Miss Brasil 2016 para depois das eleições gerais sugeridas por Marina Silva | TV em Análise Críticas

  12. Pingback: Mesmo com provável eleição geral por cassação de Dilma e Temer, Band e Polishop mantém data do Miss Brasil 2016 | TV em Análise Críticas

  13. Pingback: Calendário de concursos estaduais do Miss Brasil 2016 sofre terceira alteração em menos de um mês. São Paulo elegerá a primeira candidata da temporada | TV em Análise Críticas

  14. Pingback: Em rede social, coordenador do Miss Amazonas promete realização da etapa local do Miss Brasil 2016, mas não fala em data | TV em Análise Críticas

  15. Pingback: Depois de quatro alterações de calendário, concursos estaduais do Miss Brasil 2016 começam neste sábado | TV em Análise Críticas

  16. Pingback: Cássio Reis e Mariana Rios só serão usados pela Band no Miss Brasil 2016 e estaduais de transmissão nacional | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s