Os vencedores do 52º Cinema Audio Society Awards, em detalhes e estatísticas


Equipes de mixagem de som de Game of Thrones e Modern Family repetem vitórias obtidas no 67º Primetime Emmy

Da redação TV em Análise

Cinema Audio Society/Divulgação/20.02.2016


Premiações de Thrones foram por episódio da quinta temporada

Foram anunciados na noite do sábado (20), no salão Cristal do Millennium Biltmore Hotel, em Los Angeles, os vencedores das oito categorias competitivas da 52ª edição do Cinema Audio Society (CAS) Awards, que contemplou as principais realizações em mixagem de som nas áreas de televisão e cinema no ano de 2015. Nas áreas de televisão, as equipes de mixagem de som do episódio Hardhome, da quinta temporada de Game of Thrones, e Connections Lost, da sexta temporada de Modern Family, repetiram as vitórias conquistadas no 67º Primetime Emmy, em 12 de setembro do ano passado.
Já entre os filmes live-action, O Regresso saiu no benefício da premiação sindical de mixagem de som para a corrida ao 88º Oscar. Apesar de o CAS contemplar mixagem de som em animação, a vitória de Divertida Mente não serviu para nada, vez que a Academia que o organiza contempla apenas mixagem de som no escopo geral. Para piorar, nenhum filme de animação concorre ao Oscar, cuja cerimônia acontece no final da tarde deste domingo (28), no Dolby Theatre, em Los Angeles. Abaixo, a lista detalhada de vencedores:

CATEGORIAS DE TELEVISÃO

Mixagem de som em série televisiva de uma hora
Ronan Hill, Richard Dyer, Onnalee Blank, Mathew Waters e Brett Voss – Game of Thrones (Hardhome)

Mixagem de som em série televisiva de meia hora
Stephen A. Tibbo, Dean Okrand, Brian R. Harman e David Michael Torres – Modern Family (Connection Lost)

Mixagem de som em minissérie ou telefilme
Michael Playfair, Kirk Lynde e Martin Lee – Fargo (The Gift of the Magi)

Mixagem de som em não ficção televisiva, série ou especial de variedades ou musical
Ken Hahn e Paul Bevan – Live from Lincoln Center (Danny Elfman’s Music from the Films of Tim Burton)

CATEGORIAS DE CINEMA

Mixagem de som em filme live-action
Chris Duesterdiek, Jon Taylor, Frank Montaño, Randy Thom, Conrad Hensel, Michael Miller e Geordy Sincavage – O Regresso

Mixagem de som em filme de animação
Doc Kane, Tom Johnson, Michael Semanick, Joel Iwataki e Mary Jo Lang – Divertida Mente

INDICAÇÕES DE RECONHECIMENTO TÉCNICO

Produção de mixagem (por fabricante)
Sound Devices (SL-6)

Pós-produção de mixagem (por fabricante)
Izotope (RX5 Advanced)

PREMIAÇÕES ESPECIAIS

Prêmio de Reconhecimento pela Carreira
Doc Kane

Prêmio de Realização Cinematográfica
Jay Roach

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Cinema, Especiais, Eventos, Minisséries e telefilmes, Premiações, Séries e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s