Ao assinar com a Miss Universe Organization, FOX pode estar pagando mais do que a entidade vale ao longo de cinco anos


Pelo acordo, emissora estará pagando até 2020 US$ 67,5 milhões para transmitir os concursos de Miss Universo e Miss USA para o território americano

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

AFP/19.12.2012


Mesmo com dono democrata, MUO seguirá ideologia republicana da FOX

Após assinar o acordo de transmissão dos concursos Miss Universo e Miss USA na tarde desta quarta-feira (28), a FOX já terá uma grande conta a pagar para a Miss Universe Organization: pelo contrato válido até 2020, a rede da família Murdoch estará pagando um total de US$ 67,5 milhões, o que equivale a US$ 13,5 milhões por cada ano do acordo. De acordo com especialistas de mercado ouvidos pelo TV em Análise Críticas, esse valor é maior que o acordo que era praticado pela MUO com a NBCUniversal (NBC e Telemundo) até o Miss Universo 2014, realizado no dia 25 de janeiro, em Miami.
O acordo entre a FOX e a Miss Universe Organization cobre a transmissão do Miss Universo e do Miss USA apenas para os Estados Unidos e não afeta os acordos existentes de distribuição internacional. Com isso, a empresa Alfred Haber, sediada em Nova York, continuará a fazer a comercialização de ambos os eventos para fora do território americano. No Brasil, as parceiras da MUO e da Alfred Haber para a transmissão do Miss Universo são a Rede Bandeirantes (desde 2003) e o canal pago TNT (desde 2005).
Pelas contas preliminares apuradas pelo Críticas, a FOX, através de sua divisão de entretenimento, a 21st Century Fox, pode estar pagando pelos direitos de transmissão do Miss Universo e do Miss USA um valor maior do que o que a WME/IMG pagou à Trump Organization para adquirir a Miss Universe Organization, no dia 14 de setembro. À ocasião, a compra da MUO pela empresa do judeu democrata Ari Emanuel e de seu sócio Patrick Whitesell valeu à WME/IMG US$ 28 milhões. Segundo os especialistas de mercado ouvidos pelo Críticas, o valor chega a impressionar. “Essa cifra lembra vagamente o que a NFL (liga de futebol americano profissional com a qual a FOX mantém contrato) cobrava nos primeiros anos de Super Bowl. Hoje, para se colocar um comercial de 30 segundos num jogo de temporada regular, a mulher do rapper Kanye West tem de pagar de US$ 300 a US$ 400 mil, a depender do horário do jogo”, ressaltou um analista de mercado de direitos de transmissão de eventos não esportivos que pediu para não ser identificado. “Mas quando é para fazer comercial de 30 segundos no Super Bowl, a Kim Kardashian tem de pagar pela própria cabeça”, ironizou a fonte.

Superfaturamento, ideologia e ética jornalística

Segundo outro especialista de transmissões de eventos não esportivos ouvido pelo Críticas, a opinião acerca do acordo FOX/MUO é mais contundente: “Ao se aproximar da FOX, a Miss Universe Organizxation apenas atesta sua fama de aliada do Partido Republicano, independentemente de quem seja seu dono”. Antes mesmo de vender a MUO a WME/IMG, o então gestor da entidade, Donald Trump, deixara instruções para seus filhos Eric, Donald Jr. e Ivanka tocarem a administração da entidade através de uma empresa chamada Trump Pageants, que foi incluída na transação com a WME/IMG e passará a se chamar WME/IMG Pageants. A presidenta da entidade, Paula Shugart, foi informada por Trump de sua pré-candidatura republicana à Casa Branca e acabou incumbida de tocar sozinha a produção do concurso Miss USA 2015, realizado em Baton Rouge (Luisiana), no dia 12 de julho. Além disso, Shugart recebeu de Trump recomendações para manter a MUO longe da crise que o pré-candidato causou com suas declarações racistas contra imigrantes ilegais mexicanos, os quais foram chamados de “traficantes de drogas”, “corruptos”, “estupradores”, “criminosos” e “contrabandistas”.
De acordo com esse mesmo especialista, a MUO está fazendo a FOX superfaturar o valor de mercado da Miss Universe Organization “com o claro intento de encobrir as práticas criminosas da família Murdoch na sua divisão de jornais na Europa”. O escândalo das fitas do extinto jornal News of the World, em 2011, obrigou a News Corporation (dona da FOX) a separar a corporação em duas divisões distintas. Uma, a 21st Century Fox, é a responsável pelos estúdios de cinema e televisão, distribuidora de conteúdo audiovisual e canais de televisão do grupo, incluindo FOX, Fox News (covil de jornalistas republicanos) e FOX Sports. A outra, a News Corp, cuida dos 167 jornais que o grupo possui nos Estados Unidos, Inglaterra e Austrália (terra natal de Rupert Murdoch, 84, fundador do grupo), incluindo títulos como The Wall Street Journal, New York Post e The Sun.
O primeiro evento do acordo entre a FOX e a Miss Universe Organization será o Miss Universo 2015, marcado para o dia 20 de dezembro, no The AXIS at Planet Hollywood Resort and Casino, em Las Vegas. A transmissão vai começar às 22h (pelo horário brasileiro de verão).

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Força da Grana, Negócios, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Ao assinar com a Miss Universe Organization, FOX pode estar pagando mais do que a entidade vale ao longo de cinco anos

  1. Pingback: Concurso Miss Universo 2015 não pode prescindir da figura do apresentador | TV em Análise Críticas

  2. Pingback: No Twitter, Pia Wurtzbach pede calma a fãs sobre petição que pede a retirada do Miss Universo 2016 das Filipinas | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s