As indicações ao 67º Primetime Creative Arts Emmys nas categorias de edição e montagem


Dominação de Game of Thrones começa a se mostrar evidente

Da redação TV em Análise

HBO/Divulgação/04.11.2014


Barcos de novas indicações começam a chegar aos leitores do Críticas

À medida que vão se dissecando as categorias técnicas do 67º Primetime Emmy, a dominação de Game of Thrones no quadro geral de indicados começa a se evidenciar. Só nas categorias ligadas aos sindicatos de edição (American Cinema Editors, ACE) e direção de fotografia (American Society of Cinematograophers, ASC), a trama épica da HBO conseguiu arrebatar seis indicações. De um total de 24 indicações, a reportagem do TV em Análise Críticas já conseguiu apurar 11 indicações para GoT nas áreas de direção de arte, roteiro, direção, atuação, direção de elenco e dublês e produção. Com o grupo elencado neste texto, o total sobe para 17. Mas ainda resta descobrir onde estão as sete indicações técnicas restantes.
A quantidade avassaladora de indicações dada a Game of Thrones neste segmento praticamente obrigou a maioria das séries, documentários, especiais, programas de variedades e realities a se contentarem apenas com o básico de uma indicação em cada área. Há casos de programas que conseguiram indicações tanto na área de direção de fotografia quanto de edição de imagem. São os casos de The Big Bang Theory (seis indicações no geral), 2 Broke Girls (três) e Citizenfour (quatro). No caso de Silicon Valley, suas duas indicações neste texto ficaram restritas a edição de imagem em câmera simples em série cômica. O mesmo ocorreu com Better Call Saul na área de série dramática. No agregado, as duas produções tem sete indicações cada.
Os vencedores das áreas técnicas do 67º Primetime Emmy serão conhecidos na tarde do sábado (12), no Microsoft Theatre, em Los Angeles, oito dias antes da premiação principal, marcada para o domingo (20), no mesmo local. Abaixo, a lista detalhada de indicados nas áreas de edição de imagem e direção de fotografia:

CATEGORIAS DE EDIÇÃO

Edição de imagem multi câmera em série cômica
Darryl Bates e Ben Bosse – 2 Broke Girls (And the Move in Meltdown)
Ronald A. Volk(*) – Hot in Cleveland (I Hate Goodbyes)
Stephen Prime – Mike & Molly (Fight to the Finish)
Peter Chakos(*) – The Big Bang Theory (The Comic Book Store Regeneration)

Edição de imagem em programa de não ficção
Mathilde Bonnefoy – Citizenfour
Andy Grieve – Going Clear: Scientology and the Prison of Belief
Joe Beshenkovsky e Brett Morgen – Kurt Cobain: Montage of Heck
Kate Amend – The Case Against 8
Equipe – The Jinx: The Life and Deaths of Robert Durst (Chapter 1: A Body in the Bay)

Edição de imagem em reality
Josh Earl, Alexander Rubinov, Alex Dunham – Deadliest Catch (A Brotherhood Tested)
Equipe – Project Runway (Finale – Part 2)
Equipe – Project Runway: All Stars (Something Wicked This Way Comes)
Equipe – Shark Tank (Episode 608)
Equipe – Survivor (Survivor Warfare [Worlds Apart])
Equipe – The Amazing Race (Morocc’ and Roll)

Edição de imagem em programa ou especial de variedades
Rob Ashe, Christopher P. Heller e Dave Grecu – Conan (Conan in Cuba)
Christian Hoffman(*), Richard LaBrie e Phil Davis – Key & Peele (Scariest Movie Ever)
Ryan Berger – Last Week Tonight with John Oliver (N.S.A. Edward Snowden) – segmento
Equipe – Late Show with Dave Letterman (Finale Montage) – segmento
Jason Baker – The Colbert Report (Farewell Colbert) – segmento

Edição de imagem em câmera simples em série cômica
Equipe – Inside Amy Schumer (Last F***able Day)
Tim Roche – Silicon Valley (Sand Hill Shuffle)
Brian Merken – Silicon Valley (Two Days of the Condor)
Stacey Schroeder – The Last Man on Earth (Alive in Tucson)
Catherine Haight – Transparent (Pilot)

Edição de imagem em câmera simples em série dramática
Kelley Dixon(*) e Chris McCaleb – Better Call Saul (Marco)
Kelley Dixon(*) – Better Call Saul (Five-O)
Tim Porter – Game of Thrones (Hardhome)
Katie Welland – Game of Thrones (The Dance of Dragons)
Tom Wilson – Mad Men (Person to Person)

Edição de imagem em câmera simples em minissérie ou telefilme
Scott Powell – 24: Live Another Day (10:00 p.m. – 11:00 a.m.)
Luyen Wu – American Crime (Episode One)
Sabrina Plisco e David Beatty – Houdini (Night 1)
Jeffrey M. Werner – Olive Kitteridge (Security)
David Blackmore – Wolf Hall (Part 2: Entirely Beloved)

CATEGORIAS DE MONTAGEM

Direção de fotografia em minissérie ou telefilme
Michael Goi – American Horror Story: Freak Show (Monsters Among Us)
Jeffrey Jur – Bessie
Karl Walter Lindenlaub – Houdini (Night 1)
Chris Manley(**) – The Secret Life of Marilyn Monroe

Direção de fotografia em série multi câmera
Christian La Fountaine – 2 Broke Girls (And the Old Bike Yam)
Gary Baum – Mike & Molly (Checkpoint Joyce)
Steven V. Silver(**) – The Big Bang Theory (The Expedition Approximation)
Gary Baum – The Millers (Con-Troversy)

Direção de fotografia em série de câmera simples
Jonathan Freeman – Boardwalk Empire (Golden Days for Boys and Girls)
Anette Haellmigk – Game of Thrones (Sons of the Harpy)
Gregory Middleton – Game of Thrones (Unbowed, Unbent, Unbroken)
Fabian Wagner – Game of Thrones (Hardhome)
Rob McLachlan – Game of Thrones (The Dance of Dragons)
Martin Ahigren – House of Cards (Chapter 29)
Fred Murphy – The Good Wife (The Line)

Direção de fotografia em programa de não ficção
Laura Poitras – Citizenfour
Sam Painter – Going Clear: Scientology and the Prison of Belief
James Whitaker – Kurt Cobain: Montage of Heck
Marc Smering – The Jinx: The Life and Deaths of Robert Durst (Chapter 2: Poor Little Rich Boy)
Franklin Dow – Virunga

Direção de fotografia em reality
Equipe – Deadliest Catch (A Brotherhood Tested)
Equipe – Life Below Zero (Darkness Falls)
Gus Dominguez – Project Runway (The Rainway)
Equipe – Survivor (Survivor Warfare [Worlds Apart])
Equipe – The Amazing Race (Morocc’ and Roll)

(*)Filiado ao ACE
(**)Filiado à ASC

No próximo texto: As indicações nas categorias de edição de som (Motion Picture Sound Editors, MPSE) e mixagem de som (Cinema Audio Society, CAS)

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Áreas técnicas, Premiações e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para As indicações ao 67º Primetime Creative Arts Emmys nas categorias de edição e montagem

  1. Pingback: As indicações ao 66º ACE Eddie Awards nas categorias de televisão e cinema | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s