As apresentadoras das indicações ao 67º Primetime Emmy estão oficialmente definidas


Cat Deeley vai ocupar lugar que era de John Stamos; Uzo Aduba permanece

Da redação TV em Análise

Fotomontagem/Emmys.com

Na manhã da sexta-feira (10), a Academia de Televisão formalizou a substituição do ator John Stamos pela apresentadora inglesa Cat Deeley como apresentadora da cerimônia de anúncio dos indicados das principais categorias do 67º Primetime Emmy, previsto para às 12h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira (16), no Pacific Design Center, em Hollywood (região central de Los Angeles). De acordo com o comunicado da entidade, Stamos pediu para sair do posto devido a conflito de agendas, uma vez que está envolvido em três projetos para a TV – os mais importantes são a extensão de Três é Demais para a Netflix intitulada Fuller House e Grandfathered, comédia de situações que Stamos vai protagonizar e produzir para a FOX, com estreia prevista para 22 de setembro.
A atriz Uzo Aduba, do elenco coadjuvante de Orange is the New Black, originalmente anunciada para dividir com Stamos a apresentação dos indicados do “Oscar do horário nobre americano” no dia 10 de junho, foi mantida na função. Deeley, que vai assumir a função, iniciou sua carreira televisiva nos Estados Unidos em 2005 junto com a estreia da edição local do So You Think You Can Dance. Como apresentadora do reality de competição, ela foi indicada ao Primetime Emmy por quatro anos seguidos desde 2011, mas nunca ganhou. Mais recentemente, Deeley também passou a atuar, participando da primeira temporada da comédia de humor negro Deadbeat, criada pela Plan B (produtora do ator Brad Pitt) e Lionsgate para o serviço de streaming Hulu.
Outros créditos televisivos de Cat Deeley, 38, incluem No Ritmo/Shake it Up, aparições como figurante em Life’s Too Short e The Exes e a apresentação da única temporada do fracassado The Choice, em 2012, além de trabalhos na televisão britânica.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Eventos, Premiações e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s