Marcha de renovações, cancelamentos e novas séries para a temporada 2015-2016 começa a ganhar força


Três novos dramas e três novas comédias são aprovados. Dois deles são adaptações de séries estrangeiras
Na CW, dois dramas sairão do ar; já fora da grade da FOX, The Mindy Project pode assegurar sobrevida no streaming

Da redação TV em Análise

The CW/Divulgação


The Atom será apenas personagem de Legends of Tomorrow

Nas últimas horas, três das cinco principais redes abertas americanas tomaram deliberações importantes acerca do futuro de suas séries veteranas e dos pilotos que foram ordenados no início do ano. Só nesta quinta-feira (7), a The CW cancelou duas e ordenou outras três novas séries para preencher o espaço a ser usado na temporada 2015-2016 que, para a emissora, só vai começar em outubro. Por decisão da emissora, Hart of Dixie vai sair do ar após quatro temporadas e The Messengers não vai passar da primeira temporada, em exibição nos Estados Unidos. Em mão oposta, iZombie foi renovada para uma segunda temporada. Crazy Ex-Girlfriend, DC’s Legends of Tomorrow (ex-The Atom) e Cordon (baseada em série belga) receberam ordem de produção de série.
Na NBC, o grupo de novas séries que já contava com as dramáticas Shades of Blue (pré-ordenada), Blindspot, Chicago Med e Heartbreaker recebeu a adição das cômicas People Are Talking, Crowded e Superstore (baseada em projeto australiano). Já na FOX, The Mindy Project deixa a grade após três temporadas, mas a produção vai tentar se salvar com um acordo com o serviço de streaming Hulu, para tentar permanecer até à quinta temporada.
Ainda na The CW, as produções de Cheerleader Death Squad, Dead People e Tales from the Darkside foram reprovadas.
Uma nova rodada de cancelamentos, renovações e novas séries deve ser liberada pelas redes durante esta sexta-feira (8).

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Programação, Séries e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s