Panorama das escalações dos pilotos da CBS para a temporada 2015-2016 – área de drama – parte 2


26 atores foram escalados para quatro projetos

Da redação TV em Análise

DC Comics/Divulgação/06.03.2015


RECÉM SAÍDA DE GLEE
Melissa Benoist já está caracterizada como Supergirl do piloto da CBS

Nesta postagem, o TV em Análise Críticas divulga o segundo e último grupo de escalações de elencos dos pilotos de dramas que a CBS ordenou para a temporada 2015-2016, entre 29 projetos recebidos. Neste grupo, aparecem 26 atores escalados em quatro produções, assim distribuídas:

Rush Hour – Cinco atores foram confirmados nesta adaptação cinematográfica: Aimee Garcia (Dexter), Jessika Van (Awkward), Jon Foo (12 créditos anteriores de cinema e um em pós-produção, de acordo com o IMDb), Justin Hires (Key & Peele) e Page Kennedy (Backstrom). Criado por Bill Lawrence e Blake McCornick, o piloto teve trabalhos de produção realizados entre 30 de setembro de 2014 e 18 de março de 2015 pela Doozer Productions e Warner Bros. Television;

Sneaky Pete – Seis atores foram escalados para este projeto: Giovanni Ribisi (Dads), Libe Barer (Parenthood), Margo Martindale (The Millers), Marin Ireland (The Slap), Peter Gerety (Demolidor/Daredevil) e Shane McRae (The Following). Criado por Bryan Cranston (Breaking Bad) e Davd Shore (House), o piloto teve trabalhos de produção realizados entre 10 de novembro de 2014 e 10 de março de 2015. A produção é da Moon Shot Entertainment, Shore Z Productions e Sony Pictures Television;

Supergirl – De todas os pilotos apurados até agora pelo Críticas, este é o que conta com o maior número de atores escalados – 11, no total: Calista Flockhart (Ally McBeal, Brothers & Sisters), Chyler Leigh (Taxi Brooklyn, Grey’s Anatomy), David Harewood (Homeland, Selfie), Dean Cain (Lois & Clark), Helen Slater (The Lying Game e papel recorrente em Smallville), Jeremy Jordan (Smash), Laura Benanti (Go On), Malina Weissman (As Tartarugas Ninja), Mehcad Brooks (Necessary Roughness), Melissa Benoist (Glee) e Owain Yeoman (The Mentalist, Turn). Baseado nos personagens criados pela editora DC Comics, o piloto criado por Ali Adler (colaboradora de Ryan Murphy na produção executiva de Glee e The New Normal), Andrew Kreisberg (representante da DC Comics na criação do projeto) e Greg Berlanti (The Mysteries of Laura, The Tomorrow People) teve seus trabalhos de produção realizados entre 4 de setembro de 2014 e 9 de março de 2015. Além da própria DC Comics, a produção é da Berlanti Productions e Warner Bros. Television;

Spin-off sem título de Criminal Minds – O último piloto do grupo que a CBS ordenou teve apenas quatro atores escalados: Anna Gunn (Breaking Bad), Daniel Henney (Revolution), Gary Sinise (CSI: NY) e Tyler James Williams (Everybody Hates Chris, Go On, The Walking Dead). Criado por Erica Messer (da série-mãe), o piloto teve trabalhos de produção realizados entre 12 de dezembro de 2014 e 11 de fevereiro de 2015. Assim como Criminal Minds, a produção deste projeto é da ABC Studios (empresa parenta da Disney Media Distribution, encarregada da distribuição internacional da franquia) e CBS Television Studios (distribuidora no território americano).

Texto associado:
Code Black, Doubt, For Justice, LFE e Limitless – escalações de elenco publicadas em 19/4/2015

A partir da próxima postagem, o Críticas passa a publicar, por partes, as escalações de elenco dos 10 pilotos de comédia que a FOX ordenou para a temporada 2015-2016. No primeiro grupo, 48 Hours ‘Til Monday, Cooper Barret’s Guide to Surviving Life, Detour, Fantasy Life e Grandpa

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Panoramas, Séries e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s