Ricardo Kotscho: Refexão em tempos de ‘vazamentos’ irresponsáveis de listas de supostos participantes de A Fazenda e Dancing with the Stars


Ibope confirma a irrelevância da velha mídia

Do R7

ABC/Divulgação/04.09.2014


Na foto, “participantes” de A Fazenda 7 segundo Veja & Associados

Deu tudo ao contrário do que imaginava o “pool” formado por Veja & Associados, na perfeita definição de Alberto Dines para a velha mídia que, no último fim de semana, disparou o que seria uma “bala de prata” contra a candidatura de Dilma Rousseff, com a divulgação da “denúncia premiada”, feita por um réu preso, envolvendo políticos e partidos da base aliada do governo num “propinoduto”, que teria sido montado na administração da Petrobras. Até agora, no entanto, não apareceu nenhuma prova.
O objetivo claro era dar uma sobrevida à candidatura presidencial do tucano Aécio Neves, empacado em terceiro lugar nas pesquisas, a quilômetros de distância das favoritas Dilma e Marina Silva, que devem disputar o segundo turno.
A pesquisa CNI/Ibope divulgada agora há pouco, na manhã desta sexta-feira, confirma as tendências anteriormente registradas por outros três institutos que divulgaram seus levantamentos nesta semana: CNT/MDA, Datafolha e Vox Populi.
Em relação à pesquisa anterior do Ibope, Dilma Rousseff subiu dois pontos e foi para 39%, abrindo oito pontos de vantagem sobre Marina Silva, que caiu dois e ficou com 31%. Aécio Neves ficou exatamente no mesmo lugar em que estava na semana passada, com 15%. Na projeção para o segundo turno, o Ibope apontou empate técnico: Marina com 43% e Dilma com 42%. Os especuladores da Bolsa devem estar esfregando as mãos.
Em meio a uma enxurrada de más notícias na economia e a duros ataques do PT contra a candidatura de Marina Silva, as denúncias genéricas contra a “corrupção na Petrobras” nos governos do PT foram, talvez, a última tentativa da imprensa familiar de interferir abertamente no resultado das eleições. O assunto até já sumiu do noticiário, à espera de “novas revelações” para alimentar o discurso de Aécio Neves, que corre o risco de perder as eleições até em Minas Gerais.
As novas pesquisas, agora divulgadas praticamente todos os dias, serviram apenas para mostrar, mais uma vez, a irrelevância dos associados do Instituto Millenium, que, não faz muito tempo, elegiam e derrubavam presidentes. Seus porta-vozes não se conformam, e se tornam cada vez mais raivosos, à beira de um ataque de nervos. Pelo andar da carruagem, a eleição de 2014 será decidida entre duas ex-ministras do governo Lula, deixando fora do jogo o PSDB, pela primeira vez nos últimos 20 anos.
Agora vou-me embora para Porangaba, e vida que segue.
Bom final de semana a todos.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Ética jornalística, Jornalismo, Poderes ocultos, Podres poderes, Reality-shows e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s