Piovani se junta a índios tupinambás da Bahia e também vai processar a Band e coordenadores do Miss Brasil


E mandar o Tá na Tela de Sebastian Luiz Bacc(h)i do Skid Row virar Tá na M… da Band com as panicats, psicopatas jornalísticos e “especialistas” da mídia conservadora

Da redação TV em Análise

Reprodução/Facebook (via R7)

O que a atriz Luana Piovani escreveu acima é a adesão desta à luta dos índios tupinambás do sul da Bahia e do TV em Análise Críticas contra as imbecilidades praticadas pela Band nos seus mais diversos setores: mau jornalismo, desorganização, corrupção, interesses eleitoreiros e falta de controle nos concursos estaduais válidos pelo Miss Universo, programas vespertinos de desespero feitos por ex-funcionários da Rede Record que mais parecem xerox borrada (de merda) do Balanço Geral e humorísticos de qualidade que beira à vulva de dançarina de banda de forró “padrão Kraftwerk” do Ceará.
Em resumo: Piovani quer fazer valer seu direito de cidadã. E mandar ao inferno cânceres como Luiz Bacc(h)i, Datena, o argentino Ricardo Boechat (metido a Ibraim do jornal da band), Evandro Hazzy, Melissa Tamaciro, Toni Chastinet, Rodrigo Hidalgo, Sandro Barboza, Fábio Pannunzio e outros vermes que campeiam não apenas na sede paulistana do Morumbi. Mas também em escritórios de agências de modelos travestidos de comitês partidários de Aécio Nevermind, para defenderem black blocks e as privatizações das empresas estaduais de água e saneamento, das TV’s educativas, da Rádio Nacional, das universidades federais, dos presídios federais, dos parques nacionais, dos hospitais universitários, de Angra 1, 2, 3 e 4, das hiderlétricas e do restante das rodovias federais (o Ébrio está louco para ver a Transamazônica ir até Benjmanin Constant… – J.E.L.).

Reprodução/Band/04.08.2014


Luiz Bach, como vocalista do Skid Row do Programa da Tarde da Record

Alexandre Durão/G1/19.09.2013


Sebastian Bacci, como apresentador gritante do Tá Na Tela da Band

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Imperialsmo midiático, Nossas Venezuelas, Poderes ocultos, Podres poderes e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s