Decisão sobre sede do Miss Universo 2014 vai ficar para depois da Copa, informam fontes da MUO


11 cidades disputam o direito de receber o concurso

Da redação TV em Análise

HSBC Arena Rio/Divulgação


A possível sede carioca, HSBC Arena, em modo de concurso

Em função da Copa do Mundo FIFA, o anúncio da cidade-sede da 63ª edição do concurso Miss Universo foi postergado para depois da final da competição, prevista para o dia 13 de julho, no Rio de Janeiro, no estádio do Maracanã. A capital fluminense, aliás, é uma das quatro alternativas brasileiras à desistência de Fortaleza, ao lado de Ribeirão Preto (SP), Manaus (AM) e Porto Alegre (RS). Caso seja escolhida para receber o certame, deverá realizá-lo no HSBC Arena, na Barra da Tijuca (zona Oeste), que já recebeu eventos do Ultimate Fighting Championship (UFC, não confundir com Universidade Federal do Ceará) e jogo de pré-temporada da NBA, além de concertos musicais e especiais de TV.
Além das cidades brasileiras, também estão no páreo para receber o Miss Universo 2014 Pasay, Quezón (ambas nas Filipinas), Las Vegas (Estados Unidos), Macau (China), Jacarta (Indonésia), Cingapura e Bangcoc (Tailândia).
Segundo fontes da Miss Universe Organization informaram ao TV em Análise Críticas, o anúncio oficial da sede do Miss Universo 2014 não foi feito durante o Miss USA 2014 por problemas correlatos à produção do reality Miss Latina Universo, que teve que ser cancelado. A retirada de Fortaleza também pesou bastante no adiamento, pois, segundo essa mesma fonte, “implicaria em uma demanda maior de custos para negociar outra cidade-sede em tão curto espaço de tempo”. O contrato com a Secretaria de Turismo do Ceará chegou a ser assinado em setembro de 2013, mas Donald Trump, co-proprietário do concurso com o conglomerado NBCUniversal, não concordou com alguns pontos do acordo firmado com a Setur-CE, segundo ele, feito sem seu consentimento.
A expectativa é de que a cidade que vai acolher a eleição da sucessora da venezuelana Maria Gabriela Isler seja anunciada até o final de agosto. Especula-se dentro da própria MUO que o Miss Universo 2014 seja realizado na primeira semana de dezembro, para atender a necessidades de programação da rede NBC, que exibe o certame nos Estados Unidos em cadeia com a Telemundo.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s