Miss Rio de Janeiro 2013: Evite prejulgamento por causa de uma Panicat


Isso não é jogo limpo

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Helmut Hossmann/Divulgação/03.08.2012


Na foto, uma aspirante a Christina Hendricks do açougue do Datena

A competição que vai definir a representante do Rio de Janeiro na etapa brasileira do Miss Universo 2013 já vai acontecer neste sábado (10), na Cidade do Samba, no Rio, sob suspeita.
Pelo regulamento, funcionárias ou parentes de funcionários(as) da Rede Bandeirantes e empresas coligadas não podem concorrer a nenhuma das 27 etapas regionais do Miss Brasil.
No Rio 2013, a infração já aconteceu.
Tem nome e sobrenome.
Trata-se da Panicat Renata Molinaro.

Band/Divulgação


A infratora é a segunda da esquerda para a direita

Vai concorrer again por Petrópolis.
Com outras candidatas aproveitadas do Miss Rio 2012, será o mesmo Lifetime Movie.
Com Luíza Lorellay, que apareceu na Playboy de maio na famigerada edição de competidoras do Casa Bonita 5, do Multishow, canal pago ligado à Globo (cuja CPI já está em fase de coleta de assinaturas na Câmara dos Deputados).
Molinaro é empregada da Band e não poderia concorrer ao Miss Rio 2013.
Lorellay vai repetir o papel de representar a aprazível cidadela de Cachoeiras de Macacu (97 km a nordeste da capital fluminense).
Ah, vão dizer, “mas fez ensaio sensual, então pode?”.
Não pode.
As regras da Miss Universe Organization são inflexíveis.
Lorellay não pode concorrer ao Miss Rio 2013.
Rasgou o regulamento.
Teve uma fotinho publicada pela Playboy.
Vai se safar como, how?
O bom jornalismo recomenda evitar prejulgamentos para as competidoras de etapas estaduais do Miss Brasil 2013.
É essa prática que o Críticas está adotando.
O blog deixa apenas para a vencedora de cada etapa estadual (caso do Miss Brasil) ou nacional (caso do Miss Universo, exceções Miss Brasil e Miss USA) a aplicação das notas de avaliação.
Em respeito a seus leitores e devido ao excesso de demandas editoriais, o TV em Análise Críticas se abstém de fazer avaliação de notas das candidatas municipais ao concurso Miss Rio de Janeiro 2013.
(Para piorar, nem informação concreta a coordenadora Susana Cardoso passa aos órgãos de imprensa.
Esconde os dados das candidatas com sua confraria de quadrilha de missólogos, travestidos de experts picaretas desses denunciados pelo Celso Russomanno, chamado de “lixo” ao lado da Ana Hickmann, da Ticiane Pinheiro, do Britto Jr., do Michael Emerson e do resto do elenco de Person of Interest – já teve cadeia para um caso na última segunda-feira [5]).
Só nesta semana, serão quatro etapas estaduais.
Até o Miss Rio, 21 candidatas terão sido eleitas para o Miss Brasil 2013 nos Estados e no Distrito Federal.
No sábado (10), o Críticas vai divulgar a rodada de avaliação das 21 misses estaduais já eleitas.
Cabeças irão rolar, pode esperar.
Mas não esperneie por causa de uma Panicat concorrendo ao Miss Rio 2013.
Isso é caso de corporativismo mais descarado que o praticado na Sterling Cooper, para os contribuintes paraibanos que pagam para assistir propaganda da Sabesp na TV Cultura nos intervalos de Mad Men.
Quem paga uma parte do salário do Jon Hamm é o empresário coitado que paga o ICMS para despachar batatas fritas para serem vendidas no Terminal Integrado de Passageiros do Recife.

Reprodução/Tumblr


Don Draper: P… da vida com a Band, a Cultura e o PSDB

É estarrecedor.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Nossas Venezuelas, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Miss Rio de Janeiro 2013: Evite prejulgamento por causa de uma Panicat

  1. Pingback: EXCLUSIVO: Chevron ofereceu propina a jurados para eleger Orama Valentim como Miss RJ 2013 | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s