A renovação de Hannibal para sua segunda temporada. Comunicado oficial e a ameaça de desfiliação da KSL-TV da NBC


Após um mau começo e derrocada de audiência e boicote de afiliada em Salt Lake City ligada a mórmons

Da redação TV em Análise

Brooke Palmer/NBC/Divulgação

https://i0.wp.com/www.tvequals.com/wp-content/uploads/2013/05/Hannibal-23.jpg
Doutor Lecter chegou a estar na linha de tiro. Não está mais

Uma semana após este Críticas ter reportado o cerceamento da KSL-TV de Salt Lake City à exibição de Hannibal (e apesar de a trama ter registrado números pífios nos levantamentos registrados até 9 de maio), a NBC decidiu não dar ouvidos à derrocada de telespectadores e às críticas saídas da imprensa de Utah (que fizeram a KSL cancelar Hannibal) e resolveu partir para o ataque. A começar do press-release abaixo (em inglês):

NBC RENEWS HANNIBAL FOR SECOND SEASON
Bryan Fuller Drama That Details the Life of Dr. Hannibal Lecter Will Return for 13 Episodes

UNIVERSAL CITY, Calif. — May 30, 2013 — NBC has given a 13-episode second-season renewal to its critically applauded drama Hannibal. The new season will air no earlier than midseason.
Hannibal is based on the characters from the novel Red Dragon by Thomas Harris and was developed for television by Bryan Fuller, who also serves as writer and executive producer.
The announcement was made by NBC Entertainment President Jennifer Salke.
“We’re so proud of Bryan’s vision for a show that is richly textured, psychologically complex, and very compelling,” Salke said. “There are many great stories still to be told.”
Critics have strongly embraced the series. Alan Sepinwall of Hitfix.com said Hannibal “is the last of this season’s serial killer shows. It’s also, by a very wide margin, the best.” Jeff Jensen of Entertainment Weekly called Hannibal “finely acted, visually scrumptious and deliciously subversive” while Matt Roush of TV Guide said the show is “feverishly twisted, fascinatingly macabre and visually remarkable.”
The series stars Hugh Dancy as expert criminal profiler Will Dancy, who has a unique ability to peer into the mind of serial killers. Mads Mikkelsen stars as Dr. Hannibal Lecter, a psychiatrist who is helping with the cases and, unbeknownst to Will, is also a serial killer himself.
Laurence Fishburne stars as Jack Crawford, the head of the FBI’s Behavioral Science Unit. Caroline Dhavernas and Hettienne Park also co-star.
Through its eight original telecasts to date, Hannibal is averaging a 2.0 rating, 6 share in adults 18-49 and 4.7 million viewers overall in “most current” results from Nielsen Media Research. Hannibal is the youngest drama on ABC, CBS and NBC, with a median age for its audience of 45.7. It’s also an upscale drama, indexing at a 111 among adults 18-49 living in homes with $100K+ incomes (with 100 indicating an average concentration of those homes).
Additionally, Hannibal is heavily time-shifted, with its 18-49 rating growing by 75% going from next-day “live plus same day” ratings to “live plus seven day” results.
In addition to Fuller, Martha De Laurentiis, Jesse Alexander, Chris Brancato, Sara Colleton, Katie O’Connell, Elisa Roth, Sidonie Dumas and Christophe Riandee also serve as executive producers.
The series is produced by Gaumont International Television, Dino De Laurentiis Company and Living Dead Guy Productions, and co-commissioned internationally by Sony Pictures Television Networks.”

Vale ressaltar que, durante a L.A. Screenings, Hannibal estava com status de renovação pendente. Não está mais. Agora, os compradores internacionais já podem providenciar as aquisições da trama já na MIPCOM, a ser realizada em Cannes (França), em outubro próximo.
Agora, a novela na área de afiliadas da NBC será resolver de uma vez por todas o caso da KSL-TV, que, além de Hannibal, já boicotara as já canceladas The New Normal (temática gay) e The Playboy Club (a despeito de tratar do clube criado pelo editor da revista homônima, Hugh Hefner, não continha cena alguma de sexo, mas irritou as mucosas de setores conservadores, inclusive os mórmons da KSL/Globo, a ponto de pressionar até mesmo a FOX International Channels, do mesmo grupo do estúdio que produzia a trama, que comprara a exibição da trama para fora dos Estados Unidos, e até supostas ex-playmates).
É esse abacaxi peso-pesadíssimo que Ted Harbert, responsável pela área de afiliadas da NBC, terá de descascar nos próximos dias. Vale ressaltar que, em 2002, a KSL tivera um papel preponderante na transmissão da Olimpíada de Inverno, realizada na cidade. Cogita-se mudar a afiliação para a KUCW-TV, canal 30, atualmente afiliado a The CW. E, com isso, fazer a Bonneville International (braço da mídia mórmon) censurar Arrow, Supernatural, The Vampire Diaries, Nikita, The Tomorrow People, Reign, etc.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Comunicados e press-releases, Mondo cane, Séries e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s