Assunto da semana: A viagem da Candie Girl da Carolina do Sul ao estrelato


A música negra de Candice Glover vence o 12º American Idol

Kevin Winter/Getty Images

Pouco mais de um ano após a trágica morte de Whitney Houston numa banheira de hotel em Beverly Hills (Califórnia), a música negra americana recebeu uma boa nova na noite desta quinta-feira (16), com a vitória da ex-agente de viagens Candice Glover, 23, na mais gélida temporada que o American Idol teve em recepção de audiência, acossada por reis dos patos na TV paga e matemáticos da teoria do big bang. Da série da CBS, claro.

Kevin Winter/Getty Images

Acolhida por Jennifer Hudson, competidora do Idol na temporada vencida por Fantasia Barrino em 2004, Candice não chegou ao estrelato ao acaso. Ou ao ocaso, se assim conjugarem os dados de audiência semanais da Nielsen Media Research, o Ibope americano. Em meio a uma guerra travada por semanas com apito de pato e partidões da NBA (os jogos de basquete, claro), o Idol da agência de excursões onde Candice trabalhava, em St. Helena Island (Carolina do Sul) não é mais aquele de Fantasia e Jordin Sparks (2007). É outra figura.

Ray Mickshaw/FOX/Divulgação

Em sua noite final, a 12ª instalação do American Idol soou análoga em seu show final de performances que antecedeu a transmissão ao vivo do canal pago Sony (apesar de alguma lambança na comunicação). Sacou a canção de vitória de Glover (I Am Beautifiul) para o meio da primeira hora decisiva, após as escolhas do produtor Simon Fuller e antes da melhor canção da temporada, I (Who Have Nothing), de Ben E. King. Confundiu a cuca.

Matt Sayles/Invision/Associated Press

Já no show final propriamente dito, fez se de tudo para escamotear até onde era possível a saída de Randy Jackson após 12 anos, desde os primórdios do Idol na summer-season americana de 2002, quando Ryan Seacrest ainda tinha um co-apresentador, Brian Dunkleman. Quando não dava mais para esconder, após uma apresentação chata de Psy, a coisa já beirava o mundo-cão. Do animal propriamente dito. Até domingo.

Phil McCarten/Reuters


Esse cara é um saco

Publicação simultânea com o caderno Notícia da TV do Jornal Meio Norte que circula no domingo (19/5)

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Canta USA, Coluna da Semana, Kelly Clarkson, Reality-shows e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Assunto da semana: A viagem da Candie Girl da Carolina do Sul ao estrelato

  1. Pingback: A audiência americana da quinta-feira de final do American Idol, 16 de maio de 2013 | TV em Análise Críticas

  2. Pingback: A audiência americana da quarta-feira, 15 de maio de 2013 | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s