A possível primeira baixa para a mid-season: Next Caller teria sido reprovada pela NBC para ir ao ar, segundo site; Críticas não confirma


Quatro episódios já haviam sido gravados e todo o material corre o risco de ir para o lixo

Da redação TV em Análise

Divulgação/NBC

https://i0.wp.com/blog.zap2it.com/frominsidethebox/next-caller-canceled.jpg
Até segunda ordem, o Críticas não confirma a notícia

Primeiro, a sinopse (em inglês) apresentada no upfront de 13 de maio:

“Next Caller” — What happens when a foulmouthed satellite radio DJ – played by the multi-platinum selling artist and outrageously charming Dane Cook (“My Best Friend’s Girl”) – is forced to share the mic with a chipper NPR feminist? It’s anyone’s call in this sharp new comedy from producer Stephen Falk (“Weeds”) and Emmy-winning director Marc Buckland (“Grimm,” “My Name Is Earl”). It’s her first day in New York City, and 26-year-old Stella Hoobler (Collette Wolfe, “Young Adult”) is ready to take on the world. After a stint on public radio, she’s been hired to co-host the no-holds-barred show “Booty Calls with Cam Dunne.” Smart, spunky and passionate, Stella is determined to elevate the show beyond its boy’s-club-locker-room humor into a respected debate about men, women and the state of human relationships. But there’s a problem: Cam! She’s going to find out the hard way that he’s got no intention of sharing the spotlight, especially with someone like her. It’s going to be a tense fight, but with the station’s one rule being “make some noise,” Cam and Stella could be a winning combination – as long as they don’t knock each other out on their way to success. Jeffrey Tambor (“Arrested Development”), Joy Osmanski (“True Jackson, VP”) and Wolé Parks (“Premium Rush”) also star. The series is created and executive-produced by Stephen Falk (“Weeds”) and directed by Emmy Award-winning director Marc Buckland (“Grimm,” “My Name Is Earl”), who also serves as executive producer on the pilot. “Next Caller” is produced by Lionsgate Television and Universal Television.

Agora, a decisão aparentemente já tomada: após a gravação de quatro dos seis episódios previstos, Next Caller teria sido retirada do planejamento da NBC para a mid-season, já comprometida com as temporadas completas para Go On e The New Normal. O material produzido não prestava para os padrões da emissora.
Oficialmente, a emissora não se pronunciou, mas a informação vazou a partir de relato do Deadline. Até o anúncio oficial da grade da mid-season, que deve ocorrer no final de novembro, o TV em Análise Críticas prefere não confirmar essa informação.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Programação, Séries e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s