A estratégia do silêncio da Miss Universe Organization sobre a cidade-sede do Miss Universo(*) 2012


Trancada nos cofres da Trump Tower

João Eduardo Lima
Editor e criador dos blogs TV em Análise

Divulgação/Miss Universe Organization


Falta apenas abrir o envelope

Já está na Trump Tower o resultado final da licitação que definiu a cidade-sede do concurso Miss Universo 2012. Santo Domingo ou Nova York deve ser a escolhida para receber as candidatas, no dia 17 de dezembro. A data já foi decidida pela NBCUniversal e pela Miss Universe Organization. Não tem mais volta.
Nove cidades apresentaram propostas para sediar a 61ª edição do concurso Miss Universo entre outubro de 2011 e junho de 2012. Pela ordem cronológica: Pristina (Kosovo), Cidade do Porto (Portugal), Rustenburgo (África do Sul), Guadalajara (México), Oranjestad (Aruba), Punta Cana (República Dominicana), Seul (Coreia do Sul), Jacarta (Indonésia) e Tampa (Estados Unidos). Todas desistiram por não apresentarem as garantias financeiras exigidas pela MUO.
São Paulo, sede do Miss Universo 2011, tinha a preferência para sediar o concurso deste ano. Mas, ao fazerem uma avaliação mais séria, diretores da Enter-Entertainment Experience acharam melhor desistir da reproposta. O concurso causou um rombo de R$ 34 milhões aos cofres da cidade de São Paulo, do Governo do Estado de São Paulo, do Governo do Distrito Federal e da Enter, somadas. Noves fora o boicote das Organizações Globo ao certame, trocado no jornal da globo por matérias contrárias ao Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), ao programa Universidade para Todos (ProUni) e ao então ministro da Educação do governo Dilma, Fernando Haddad, atual candidato do PT à prefeitura paulistana.
Na contramão do mega-sucesso de organização do UFC 134, no Rio de Janeiro, em 27 de agosto, o Miss Universo 2011 se revelou um verdadeiro fracasso de mídia. Ficou restrito a cinco ou seis portais de colunismo eletrônico. Foi boicotado pela EBC (Empresa Brasil de Comunicação), pelo SBT, pela MTV e pela ESPN, apenas para citar alguns casos. Leila Lopes, a miss africana com nome de atriz finada de novela globelezada, reduziu-se a uma única entrevista ao Jô. Censurada a mando dos filhos do Roberto Marinho – eles não tem nome próprio.
Depois da vergonha que foi São Paulo, o Miss Universo para 2012 deve respirar novos ares. O frio de Manhattan ou o calor de Santo Domingo, que já receberam edições do certame em 1981 e 1977, respectivamente. Alea jacta est.
Qualquer que seja o resultado, a cidade escolhida deve ser anunciada até o dia 27 de julho. Não deve passar desse dia, para não vender uma propaganda enganosa no press-release do Miss Teen USA, a ser despachado no dia 29, domingo. A data é crucial para anunciantes e coordenações nacionais. O tempo corre contra.

(*)Na teoria, a Band é dona dos direitos de transmissão do concurso Miss Brasil e de seus concursos estaduais quando, na prática, estes pertencem à Globo (que desde 1990 paga para não transmití-lo). É a mesma coisa que a emissora da famíglia Marinho fez (e ainda faz) com as séries da FOX, como Glee, Bones, Burn Notice e outras (fora as animações)

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Força da Grana, Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para A estratégia do silêncio da Miss Universe Organization sobre a cidade-sede do Miss Universo(*) 2012

  1. Pingback: Miss Universo(*) 2012: A guerra declarada da NBC contra o Victoria’s Secret Fashion Show | TV em Análise Críticas

  2. Pingback: TCA Summer Press Tour 2012: A última chance de Trump definir a sede do Miss Universo(*) 2012 | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s