Estarrecedor: a entrevista em que Chico Anysio disse, baseado em mentiras, que Dilma Rousseff não pode entrar nos Estados Unidos e em mais 11 países


Por supostamente participar do sequestro do embaixador americano Charles Burke Elbricke, em 1968. A gravação foi feita em 12 de junho de 2010, na rádio Guarani FM de Belo Horizonte

Vídeo abaixo com trecho do programa Cultura Geral:


Cinzas que assustam até mesmo criancinhas

Transcrição:
[VINHETA CULTURA GERAL]
CAROLINA BRAGA (apresentadora): “Você tá otimista com o Brasil?”
CHICO ANYSIO: “Na Copa?”
CAROLINA: “Pode ser”. (risos)
CHICO: “Hein?”
CAROLINA: “Esse ano tem Copa, tem eleição, tem um monte de coisa para a gente ficar otimista e pessimista”.
CHICO: “Na Copa, mais ou menos. Na eleição, menos online”.
CAROLINA: “Esse ano é um ano de dúvidas, né?”.
CHICO: “Eu fico meio grilado porque a candidata Dilma, assim como o candidato Gabeira, estão proibidos de entrar nos Estados Unidos e em mais 11 países. Se botar o pé em Miami vai presa e não sei como que um presidente do Brasil pode conviver com essa proibição de entrar em 11 países, América e mais 11 países importantes tipo Alemanha, Inglaterra, França, Itália. Não sei como é que isso será resolvido”.
CAROLINA: “Mas isso são águas passadas”.
CHICO: “Não… não, americano não perdoa não, ela participou do sequestro do embaixador americano, americano não perdoa, não”.

O programa está aqui.

Abaixo, a denúncia do Viomundo, feita em 28 de julho, quando a campanha já estava em marcha:

Dilma, a “condenada” nos Estados Unidos

Do leitor Fábio F., que denuncia a nova mensagem que vem sendo espalhada na rede, com a falsa acusação de que a candidata Dilma Rousseff não poderá representar o Brasil se for eleita, por ter condenação nos Estados Unidos!
O texto:

‘Você pode responder a esta pergunta ?

A PERGUNTA É A SEGUINTE:

No caso da srª Dilmente ser eleita Presidente do Brasil, quem será a pessoa que irá aos Estados Unidos para a fala habitual na Assembléia Geral da ONU, ou para discutir com o presidente americano sobre questões de comércio, por exemplo?
A Presidente não irá, com 100% de certeza.
Então, repito a pergunta: Quem irá aos Estados Unidos no lugar dela?
Bem, você deve estar intrigado com esta pergunta meio sem sentido, não é?
Aqui vai a explicação:
Dilma Roussef foi condenada nos Estados Unidos pelo seqüestro do embaixador norte-americano, na década de 60 (Charles Elbrick) remember? Juntamente com outras pessoas (por exemplo: Fernando Gabeira).
A pena é bem grande e não há como pensar em liberdade condicional. Lá o crime não prescreve !
A questão secundária é que isto vale para outros 11 países.
Muitos governantes de países periféricos já foram apanhados nesta armadilha e a maioria perdeu o cargo que ocupava, para satisfação da oposição local.
Nós temos uma solução ideal para resolver esta questão: não elegê-la presidente. Desta maneira ela poderá escolher lugares muito confortáveis para viver o resto da vida como, por exemplo, Havana, em Cuba, ou La Paz na Bolívia, o que resolverá vários problemas: os dela e os nossos.
Portanto, pare de imaginar que é implicância minha quando coloco na Internet a folha corrida policial desta senhora, cheia de crimes. Esqueça estes documentos e (se for o seu caso) continue com a sua fé inabalável nas qualidades desta mulher, legítima porta-voz da quadrilha do sr.Lula da Selva.
Mas……. se eu fosse você, começava a me preocupar com esta possibilidade. Já pensou se ela resolve fazer uma visitinha àquele cara simpático e ultra democrático da Venezuela, o Huguinho Chávez e, de repente, uma tempestade no Caribe obriga o avião a descer em Miami,
que fica ali perto. Imagine a encrenca monumental que nem o presidente americano vai poder desfazer?
Bem… talvez você seja um sábio e tenha uma boa idéia para resolver a situação. Por isto volto a perguntar:
Quem vai representar o Brasil nas viagens internacionais aos Estados Unidos e aos 11 países onde ela pode ser presa no próprio aeroporto onde desembarcar?

TENHO CERTEZA ABSOLUTA QUE ESTA, VOCE DESCONHECIA!’

PS do Viomundo: As informações contidas na mensagem que você acabou de ler são falsas”.

Três dias após esta entrevista Dilma desembarcou em Paris.
É o que aponta a BBC, cujo canal de entretenimento a Globo quer impedir que entre nas operadoras de TV paga.
A Globo, que congelou Chico até à morte, é contra o Blake Shelton.
Contra a Christina Aguilera.
Contra o Cee-Lo Green.
Contra o Adam Levine.
Contra o Carson Daly.
Contra a pasta de dentes.
Contra o Plano Nacional de Banda Larga.
Contra o Minha Casa Minha Vida.
Contra o The Voice.
Contra o Dancing with the Stars.
Contra o Olimpop.



Contra o Rouge.
Contra o Br’Oz.
Contra o Paulinho da Viola.
Contra o samba de raiz.

Contra o Scotty McCreery.
Contra o Brasil.
A favor da privatização da Petrobras, do BNB, do Banco da Amazônia, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.
A favor da fabricação de miseráveis.
A favor da destruição do Brasil.
A favor da canonização do Daniel Echaniz por não ter estuprado ninguém no BBB 12.
A favor do projeto neoliberal de Cerra, Dantas, Kassab e assemelhados.
A favor da FIFA e contra a Lei Geral da Copa.
A favor da “coisa passageira” da Marluce Dias da Silva.
Que tem ódio do Ryan Seacrest.
Do Tom Bergeron.
Do Datena.
Do Ratinho.
Do Thomas Roth.
De todos os jurados do American Idol e do The X Factor.

Divulgação/NBC

Blake Shelton The Voice 2012
Na foto, a reação do marido da Miranda Lambert após ouvir o programa Cultura Geral numa rádio de Los Angeles: “oh, my Gosh!”

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Elliot Stabler da direita, Globelezação, Humor e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Estarrecedor: a entrevista em que Chico Anysio disse, baseado em mentiras, que Dilma Rousseff não pode entrar nos Estados Unidos e em mais 11 países

  1. Pingback: A TV Cabo Branco, afiliada da Globo em João Pessoa, capital da Paraíba, está contaminada de “gringos”. Os ianques já chegaram | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s