Começo de semana: Atriz Kelli Giddish vai protagonizar caçada da CBF contra o jornal nacional, ator Bruno de Luca e Miss Brasil(**) Priscila Machado


Reencenação de Chase na porta da sede paulista da emissora, na avenida Berrini, ao lado do terreno público usado como pista de cooper pelos seus empregados até 2009 e no qual o Estado ergueu uma Escola Técnica destinada a formar empregados das Organizações Globo (Rede Globo e afiliadas, Globocom e canais Globosat)

Texto original de Altamiro Borges
No blog do Miro

Fotos Luciana Boandio/G1 e Vivian Zink/Divulgação/NBC

https://i0.wp.com/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2011/08/15/etec.jpghttps://i0.wp.com/www.daemonstv.com/wp-content/uploads/2011/01/CHASE-Narco-Part-2-3.jpg
Annie Frost, a serviço da FIFA, do FBI, da Comcast-NBCUniversal e da Concacaf, fazendo a tocaia para invadir a ETEC Roberto Marinho, custeada com o dinheiro do ICMS e do IPVA do contribuinte paulista para formar idiotas na área da mídia eletrônica: Ricardo Teixeira vai se vingar da Globo?

A dúvida persiste sobre as razões que levaram o jornal nacional a exibir uma reportagem com denúncias de corrupção contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A Rede Globo traiu o seu velho aliado, o cartola Ricardo Teixeira, ou foi puro jogo de cena? A emissora decidiu seguir o seu enfadonho código de “princípios” recém-divulgado ou, mais uma vez, agiu sem princípios?
Seja qual for o motivo, parece que o chefão da CBF ficou zangado. É o que garante o jornalista Ricardo Feltrin, da Folha(*). No artigo intitulado “CBF ameaça divulgar gravações contra diretor da Globo”, ele sugere que a coisa pode feder! Se a sua especulação tiver fundamento, poderemos estar próximos de um escândalo parecido com o que abalou o império de Rupert Murdoch. Vale leitura:

*****
Não vai ficar barato para a Globo a sua repentina decisão de noticiar os escândalos envolvendo a CBF, Ricardo Teixeira e a Fifa. Agora surgiram indícios (ou insinuações) de que a entidade máxima do futebol brasileiro tem gravações de diálogos que comprometeriam Marcelo Campos Pinto, diretor da Globo Esportes. Essas gravações não autorizadas foram feitas a partir de ligações telefônicas ou na própria sede da CBF. Elas revelariam quando e como a Globo manipulou o horário de partidas de times e da seleção, para atender a seus próprios interesses…

T de Vingança

Teixeira também teria gravações mostrando como Pinto e seus comandados globais agiram nos últimos anos, quando tinham acesso livre à CBF. Fonte desta coluna, que pede anonimato, informa que as gravações teriam diálogos permeados de arrogância, prepotência e desprezo completo de Campos Pinto e seus subordinados pela concorrência. Inclusive uma das gravações mostraria emissários da Globo usando termos chulos contra Record e até contra a Band, que hoje é parceira da Globo no futebol.

Prato pelando

A ameaça de levar as gravações a público teria por finalidade não só vingar Teixeira do que ele considera “traição”, por parte da Globo, mas também colocar a emissora numa situação delicada junto à imprensa, a parceiros e anunciantes do esporte. Algo do tipo: “eu morro, mas você vai morrer! Morrer comigo! Bwahahaha! Bwahahahahahahahannn…”. Tá bom, é só um jeito de dizer. Teixeira não dá risada como vilão de desenho… Vou continuar, agora sério…

Bombardeio

Campos Pinto está sob ataque de outro ‘front’, além do da CBF. Desafetos do diretor dentro da Globo ainda o culpam pelo fato de a emissora ter perdido a transmissão das Olimpíadas de Londres 2012 para a Record. Para esses executivos, a “soberba” do executivo o impediu de avaliar a situação corretamente. Ele subestimou a concorrente, afirmam.

*****

A CBF pode estar blefando para atemorizar os filhos do Roberto Marinho. Caso a TV Globo não fale mais nada sobre sobre as sujeiras de Ricardo Teixeira, é porque a coisa é feia – de ambos os lados. O ideal é que essa briga fosse adiante… para o bem do futebol e, principalmente, do jornalismo brasileiro.

Caçada mais ampla

A redação do Críticas já se achava satisfeita com o texto acima quando começaram a surgir informações de que a Miss Brasil(**) 2011 Priscila Machado estaria de namoro com o ator Bruno de Luca, empregado da Globo. Como até o reino mineral de Michael C. Hall sabe, Priscila levou o título nacional com os votos comprados por diretores do Grupo RBS(***), afiliado da Globo no Rio Grande do Sul, junto à Fernanda Motta e ao Dr. Robert Rey, feitos de babacas, que achavam que iriam votar na candidata da casa, a paulista Rafaela Butareli.
Rey, paulista da gema, já estava com o voto certo para a Miss São Paulo(**) eleita pela Band, parceira da Globo nas delinqüências da CBF, quando Butareli desafinou no Cisne Negro da Natalie Portman da entrevista final. Reparem:

Reprodução de Internet/Os Paparazzi, Ilustração Latuff/Blog do Miro e Reprodução Blog do Miro

https://i2.wp.com/www.ospaparazzi.com.br/imagem/201108/21091642.jpghttps://tvemanalisecriticas.files.wordpress.com/2011/08/charge-latuff.jpg?w=300https://tvemanalisecriticas.files.wordpress.com/2011/08/ricardoteixeiraprotesto.jpg?w=300
Na sequência, a Miss Brasil(**), seu grande eleitor na Globo para o Miss Universo(**) 2011, os satanizadores dos movimentos sociais e manifestantes cobrando da presidenta Dilma as deportações de Giddish e do ator Amaury Nolasco

(*)Folha é o jornal que não se deve deixar a sua tataravó ler porque publica palavrões e mostra sem censura os seios, os pêlos pubianos, a vagina e a bunda da miss Pernambuco 2008, Michelle Fernandes da Costa, em revista masculina publicada a poucos dias de passar a faixa à sua sucessora, em março de 2009. Além disso, Folha é aquele jornal que entrevista Cássio Cunha Lima DEPOIS de cassado e pergunta o que ele achou do processo no TSE, da ditabranda, do câncer de Fidel, da ficha falsa da Dilma, das mulheres-fruta, das ancas da cantora Jôsy, do ódio a piauienses encampado pelo Rafinha do Emocore, da Carla Perez lecionando “i” de iscola, da Rayanne Morais “eleita” Miss Brasil 2009 pelo site EGO, ligado à Globo (sócia da mesma Folha no jornal de negócios Valor Econômico), que vestiu FHC com o manto de “bom caráter”, porque levou dezoito anos para reconhecer um filho seu fora do casamento (com uma jornalista empregada da Globo), que mandou a Diane Sawyer da Globo News avacalhar o cantor itainopolense Frank Aguiar por causa de um filme e de uma entrevista sórdida com uma aspirante a aspirante a aspirante de celebridade paulista a uma aprendiz de Oprah do Primetime da Rede TV!, que publicou texto sórdido de um professor de comunicação da USP sobre o Miss Universo 2007, que ainda fala mal do Saulo Roston (vencedor do Ídolos 2009), que matou o senador paulista Romeu Tuma e depois o ressucitou, mandou a Mariska Hargitay falar mal do Piauí e a Tamara Tunie, o Ice-T e o Christopher Meloni bancarem o Sérgio Ricardo quebrando o violão no Festival da Record de 1967 em Law & Order: Special Victims Unit, deixou o elenco de Law & Order: Criminal Intent e o Robin Williams avacalharem o Brasil em seriado da USA Network e programa de entrevista da CBS, é o que é porque o dono é o que é e que, quando a mineira Elaine Parreira Guimarães ficou em quinto lugar no Miss Universo 1971, emprestava os carros de reportagem aos torturadores.
(**)Na teoria, a Band é dona dos direitos de transmissão do concurso Miss Brasil e de seus concursos estaduais quando, na prática, estes pertencem à Globo (que desde 1990 paga para não transmití-lo). É a mesma coisa que a emissora da famíglia Marinho fez (e ainda faz) com as séries da FOX, como Glee, Bones, Burn Notice e outras (fora as animações)
(***)Não é Rede Brasil Sul e sim Rede Bunda Suja (da Natália Casassola), afiliada global em Santa Catarina que tem entre seus diretores o pai de um dos estupradores juvenis de Florianópolis denunciado pelo Tijoladas do Mosquito e pelo Jornal da Record

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Esportes, Força da Grana, Globelezação, Imperialsmo midiático, Imprensa monopolista, Jóia da coroa, Law & Order: Pesadelo de Miss, Law & Order: Porto Alegre, NCIS: Pesadelo de Miss, Nossas Venezuelas, Poderes ocultos, Podres poderes, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s