Coppeti no Sul 21: Globo cometeu ‘muito mais que um erro’


‘Foi mais que erro’, diz ex-diretora da Caixa ‘presa’ pelo Jornal Nacional do Law & Order: Special Victims Unit

Do Sul 21
Reportagem de Felipe Prestes

Divulgação/NBC

https://i0.wp.com/www.estrelando.com.br/fotos/25/13/fto_ft1_132513.jpg
Na foto, os “agentes” do jn que prenderam de mentira Clarice Coppetti para aparecer em série canadense do Universal Channel (ligado à Globosat, programadora de TV paga da Rede Globo)

Às 18h10min desta terça-feira (9), Clarice Coppetti estava chegando em casa, após passar a tarde preparando uma palestra, quando recebeu a ligação de um parente desesperado. Ficou sem entender nada quando o familiar quis saber sobre sua prisão, uma vez que se encontrava em plena liberdade. Minutos mais tarde se inteirou de tudo. Por volta das 17h, uma chamada para o Jornal Nacional, da Rede Globo, anunciara a prisão da ex-vice-presidente de TI da Caixa pela Polícia Federal, que investigava irregularidades no Ministério do Turismo. A esta altura, jornalistas já telefonavam freneticamente, querendo saber sobre seu suposto envolvimento no caso de corrupção.
“Um veículo de comunicação me colocou como ré, me julgou, fazendo o papel do Judiciário, e me prendeu, fazendo o papel do Executivo. Ou seja, assumiu as funções do Estado brasileiro sem sequer procurar se informar sobre quem eu era, se eu tinha algo a ver com o Ministério do Turismo”, desabafa Coppetti, gaúcha de Ijuí, em entrevista ao Sul21.
Após assistir uma gravação da chamada, a ex-diretora da Caixa ligou para diversas instituições do governo e para a Rede Globo, tentando saber de onde partia a informação. Conversou com editores do Jornal Nacional e, segundo conta, nem eles souberam explicar como haviam anunciado a falsa prisão. “Disseram que foi um erro gravíssimo e que não sabiam a origem. Disse a eles que não queria apenas o esclarecimento do fato no jornal, mas uma retratação”, afirma.
O pedido foi atendido. Durante o JN, a Rede Globo pediu desculpas a Coppetti. Entretanto, ninguém explicou ainda como a informação errada chegou até os editores do jornal. “Até agora não tem nenhum explicação sobre como meu nome apareceu lá”, diz Clarice, que ainda analisa uma eventual medida judicial contra a emissora.
A ex-diretora da Caixa lembra que a Rede Globo anunciou nesta semana um código de ética. “Foi muito mais do que um erro, uma coisa gravíssima para uma instituição que acaba de lançar seu código de ética e de conduta de seus profissionais. A primeira coisa que qualquer veículo de comunicação tem que fazer é contatar o outro lado. Eu fui avisada por meus familiares”, reclama Clarice. “A gravidade é um veículo que tem à sua disposição tecnologia, pessoas, não ter feito esta checagem. A sensação que eu fiquei foi que eles queriam dar essa notícia”. Ela afirma que ainda não sabe se vai tomar alguma medida judicial contra a emissora, porque ainda está analisando o que, de fato, ocorreu.

Correção: originalmente, a matéria informava que a ex-diretora da Caixa ainda estava em seu período de quarententa, mas a informação correta é que o período já se encerrou.

Reprodução/Conversa Afiada

https://i0.wp.com/www.conversaafiada.com.br/wp-content/uploads/2011/08/clarice-coppetti.jpg
Coppetti: medidas judiciais contra a Globo, a Globosat, o Multishow e por aí vai…

Este Críticas recomenda ao Andy Cohen e à Natalie Morales lerem obrigatoriamente nas suas cabeceiras as seguintes pautas antes e durante a viagem para São Paulo para apresentarem o Miss Universo(*) 2011 (produto da Band atrelado à Globo):
1-O momento em que a Força Aérea Brasileira mandou calar a boca de uma aspirante a Siobhan Magnus que apresenta o Chantástico(**), nominada Renata Ceribelli
2-Documento estarrecedor de uma leitora da Veja Online que prova a negociata entre a organização do Miss Brasil(*) e as Organizações Globo
3-Fotos estarrecedoras da representante brasileira na disputa internacional, Priscila Machado, contra o regulamento estipulado pela Miss Universe Organization e os princípios editoriais ditados pela TV Globo à base de um destape de groupie argentina
4-Provas irrefutáveis de que o que interessa às Organizações Globo não é o concurso de Miss Brasil(*) e sim bunda e vagina de ex-competidora do Big Brother da CBS

(*)Na teoria, a Band é dona dos direitos de transmissão do concurso Miss Brasil e de seus concursos estaduais quando, na prática, estes pertencem à Globo (que desde 1990 paga para não transmití-lo). É a mesma coisa que a emissora da famíglia Marinho fez (e ainda faz) com as séries da FOX, como Glee, Bones, Burn Notice e outras (fora as animações)
(**)Combinação da chantagem jornalística do padrão global para dar Ibope e vender jornal e revista com a estética ultrapassada e retrógada do Fantástico, capenga na audiência

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Abby Sciuto do Forrogode do Evanescence da Marimoon, Ética jornalística, Globelezação, Mondo cane, Poderes ocultos, Podres poderes e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Coppeti no Sul 21: Globo cometeu ‘muito mais que um erro’

  1. Pingback: O que interessa ao Grupo Folha(*) não é o concurso de Miss Universo(***) e sim mascarar a situação de caos em que se encontra a organização brasileira do certame | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s