Vem aí a primavera potiguar de Galisteu. Sugestões


#ForaMicarla, #ForaNayla, #ForaMariskaHargitay, #ForaGaeta, #ForaAnaMariaBraga, #ForaIvete, #NãoQueroIveteNoMissUniverso

Elisa Elsie/Divulgação

https://i2.wp.com/img.terra.com.br/i/2011/06/16/1920257-3302-cp2.jpg
Na foto, manifestantes articulando um tuitaço contra a Enter, empresa da Band

Texto de Dayanne Sousa, no Terra Magazine:

“Em tempos de Primavera Árabe e de agitações na espanhola Porta do Sol, os estudantes encontram uma resistência de forças bem mais típicas brasileiras: as da burocracia. Depois de um mandado de segurança e de pedidos de desocupação emitidos pela Justiça local, conquistaram, nesta quarta-feira (15), um habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça.
“Desde o início estivemos preparados para a hora que a Polícia chegar aqui”, conta o estudante de Direito Hélio Miguel. “Vamos fazer uma resistência pacífica, sentaremos no chão como uma mostra de que repudiamos a intransigência com que as autoridades têm lidado com o movimento”.
Desde sexta-feira (10), a Câmara inteira está sem internet, conta Miguel, numa tentativa de reprimir a ação dos manifestantes pelas redes sociais. No Twitter, a hashtag #ForaMicarla é usada para divulgar as ações do grupo.

– Também cortaram nossa água e, por duas vezes, nos trancaram lá dentro, o que configura cárcere privado – acusa o estudante.

Acusações de corrupção

O movimento começou depois de três marchas de protesto estimuladas por suspeitas de corrupção na prefeitura. Os manifestantes pedem a instauração de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) na Câmara para investigar a dispensa de licitação em aluguéis de escritórios pela administração de Natal. A CEI é uma espécie de CPI municipal.
Na sexta-feira (10), o presidente da Câmara Municipal, Edivan Martins, do PV – mesmo partido da prefeita -, extinguiu o pedido de abertura da CEI. Os estudantes, acampados nos três dias anteriores, haviam negociado a saída, mas decidiram permanecer até que a Comissão fosse instaurada.
“O nosso desejo não é ficar aqui, é sair para as ruas”, completa Miguel. “Mas não faremos isso enquanto não tivermos a CEI”.
Segundo o advogado Pessoa, a prefeitura já dispõe de uma ação de reintegração de posse, que obrigaria os estudantes a deixarem o espaço. Nesta quinta-feira (16), vereadores estão reunidos para decidir qual seria o impacto político do uso desse instrumento. Os acampados não sabem até quando a primavera potiguar pode durar”.

Algumas indicações do Críticas para a Primavera Potiguar:
-Prorrogá-la até o dia 12 de setembro, data do concurso Miss Universo 2011, com seguidos tuitaços contra a Enter-Entertainment Experience e a Miss Universe Organization;
-Cobrar da MUO a recusa ao nome de Ivete Sangalo para cantar no concurso dado o seu envolvimento com o famigerado movimento Cansei;
-Entrar com uma ação civil de reparação por danos morais contra a FOX News e seus âncoras Sean Hannity, Glenn Beck e Gretchen Carlson pelas reporcagens sobre a certidão de nascimento baiana (falsa) da Miss Piauí Renata Lustosa;
-Pedir a destituição de Nayla Micherif dos quadros da gaeta(*) promoções e eventos e baní-la do quadro de franqueados da MUO;
-Pedir a regulamentação imediata dos artigos da Constituição Federal de 1988 concernentes à comunicação social;
-Defender o Marco Regulatório da Mídia;
-Defender o Programa Nacional de Direitos Humanos;
-Ingressar com uma ação criminal contra o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação pela reporcagem sobre Fernando de Noronha, publicada no último domingo como parte de um plano da mídia pernambucana para derrubar o governador Eduardo Campos;
-Noticiar o resultado da final do The Voice amanhã nos principais sites do país (antes que a Globo, a Band, a gaeta[*] e o PSDB escondam a Dia Frampton e o Blake Shelton junto com a Miranda Lambert debaixo do agasalho de um general aposentado que atuou no golpe militar de 1964).
-Cobrar da prefeita Micarla de Sousa a devolução do dinheiro público desviado para comprar os jurados do concurso Miss Universo(**) 2009 com vistas a forçar a classificação da Miss Brasil(**) Larissa Costa às semi-finais (isso inclui taxas de IPTU, ISS e TCR que poderiam estar ajudando a capital potiguar e não meia dúzia de elementos ianques com CD’s de letras pornográficas de bandas de forró tipo Aviões do Forró, Garota Safada, et caterva);
-Bombardear as redações aliadas da Globo e da gaeta(*) com CD’s do Lee DeWyze e do Kris Allen, os dois últimos vencedores do American Idol a terem lançado algum álbum (Scotty McCreery só assinou contrato de gravação);
-Jogar as assinaturas da Veja e do JC no lixo.

(*)gaeta é o modo como a Gaeta Promoções e Eventos deve ser sempre escrita: em minúsculas, para provar o quanto o Brasil é uma sub-Venezuela, um sub-Porto Rico, uma sub-Colômbia (tipo um Whooper Jr.) ou uma Guatemala tamanho-família (tipo esses sanduíches Whooper do Burger King, Sub do Subway, Big Bob, Big Mac e afins) em termos de concursos de misses
(**)Na teoria, a Band é dona dos direitos de transmissão do concurso Miss Brasil e de seus concursos estaduais quando, na prática, estes pertencem à Globo (que desde 1990 paga para não transmití-lo). É a mesma coisa que a emissora da famíglia Marinho fez (e ainda faz) com as séries da FOX, como Glee, Bones, Burn Notice e outras (fora as animações)

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Convocação geral, Criminal Minds: Pesadelo de Miss, CSI: Rio-Mossoró Diraiamente pela Viação Nacional, Força da Grana, Imprensa monopolista, Jóia da coroa, Law & Order: Pesadelo de Miss, Marska Hargitay do Jornal Nacional, Música, Mondo cane, NCIS: Pesadelo de Miss, Nossa Grana, Nossas Venezuelas, Olivia Benson do tucanato, Poderes ocultos, Podres poderes, Prime Suspect Behavior da Sônia Abrão, Samba de uma nota só, Terrorismo eleitoral e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s