A perigosa catarse da oposição derrotada na posse de Dilma pode ganhar forma no Miss Brasil(*) 2011


Remember: Renata Lustosa foi eleita Miss Piauí sob o amparo da mídia de oposição ao governador socialista Wilson Martins

Da redação TV em Análise

Reproduções/CBJM e Último Segundo

http://cbjm.files.wordpress.com/2011/01/catarse43.jpghttps://i0.wp.com/i0.ig.com/fw/cc/xo/30/ccxo302drj8ad7rg5half5ovn.jpg
Nos tweets acima, duas demonstrações de ódio a piauienses…

Reprodução/Viomundo

https://i2.wp.com/www.viomundo.com.br/wp-content/uploads/2011/01/jfk_24_flyer1.jpg
…uma instigação de assassinato que acabou se consumando,…

Reprodução/Viomundo

https://i1.wp.com/www.viomundo.com.br/wp-content/uploads/2011/05/sem-nocao.jpg
…um humorista da Band que evoca Auschwitz…

Os Paparazzi

https://i1.wp.com/www.ospaparazzi.com.br/imagem/201106/09072135.jpg
…e uma atriz empregada da Globo, da mesma laia de Mayara Petruso

Frases de efeito que podem custar ainda mais a presença de Renata Lustosa como representante brasileira no Miss Universo 2011, dia 12 de setembro:

“Nordestisto (sic) não é gente. Faça um favor a Sp: mate um nordestino afogado!”
(Sally Field, em leitura sobre a eleição presidencial brasileira segundo Mayara Petruso durante ensaio de texto da última temporada de Brothers & Sisters, felizmente cancelada pela rede ABC, pertencente à Disney, fornecedora de filmes e seriados para a Rede Globo de Televisão, parceira da Band no concurso de Miss Brasil-Universo e no futebol falido do Brasil que vai sediar Copa do Mundo e Olimpíada)

“Eu tô rycah (sic)!”
(Maria Melillo, no papel de Mayara Petruso do Big Brother Brasil 11)

“Qualquer miserável pode ter um carro”
(Luiz Carlos Prates, comprovando que nenhuma piauiense pode ser eleita Miss Brasil)

(*)Na teoria, a Band é dona dos direitos de transmissão do concurso Miss Brasil e de seus concursos estaduais quando, na prática, estes pertencem à Globo (que desde 1990 paga para não transmití-lo). É a mesma coisa que a emissora da famíglia Marinho fez (e ainda faz) com as séries da FOX, como Glee, Bones, Burn Notice e outras (fora as animações)

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Blue Bloods, Nossas Venezuelas, Projetos especiais, Radar das misses, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s