NBC renova direitos de transmissão das Olimpíadas até 2020 nos EUA


Emissora derrotou FOX e ESPN/ABC na licitação do COI, que envolvia todas as mídias

Da redação TV em Análise

Divulgação/USA Network

https://tvemanalisecriticas.files.wordpress.com/2011/06/glorythatwas3.jpg?w=300
Todo ataque tem seu preço

Acabou o impasse. Após ter atacado o Brasil em um episódio infame de Law & Order: Criminal Intent, a NBC conseguiu vencer a concorrência do Comitê Olímpico Internacional, realizada hoje em Lausanne (Suíça), para as transmissões das Olimpíadas de Verão de 2016, no Rio de Janeiro, de Inverno de 2014, em Sochi (Rússia), mais os jogos de Inverno de 2018 e 2020, cujas sedes serão definidas em votações posteriores.
Atentas ao estrago causado à candidatura Chicago’ 16 por The Glory That Was…, ESPN/ABC e Fox Sports trataram de enviar suas propostas financeiras ao COI, que já selecionou há tempos suas parceiras televisivas brasileiras para a Rio’ 16: Globo, Record e Band. Perderam feio. Por US$ 4,38 bilhões, a Comcast-NBCUniversal levou o pacote completo de mídias para transmissão das próximas quatro olimpíadas e paraolimpíadas. No entanto, o acordo não explicita, mas contemplaria também eventuais coberturas de Olimpíadas de Verão e de Inverno da Juventude, como a Record fez recentemente em Cingapura.
Com o novo acordo, passa a ser beneficiada a Versus, canal esportivo da Comcast que se somará agora à NBC, Telemundo, Bravo, USA Network, Universal Sports e Oxygen nas transmissões da Rio 2016 para o público americano.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Esportes, Eventos, Força da Grana e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para NBC renova direitos de transmissão das Olimpíadas até 2020 nos EUA

  1. Pingback: Ante os acordos bilionários de TV para o Oscar e as Olimpiadas, Trump paga uma miséria para manter o Miss Universo | TV em Análise Críticas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s