Ashton Kutcher deveria apresentar o concurso (?) de Miss Minas Gerais


É a Band vendendo outro lixo tucano-globelezado para o Brasil

Fotos Reprodução/TVbytheNumbers

https://i1.wp.com/tvbythenumbers.zap2it.com/wp-content/uploads/2011/03/idol-judges-cropped-350x186.jpghttps://i0.wp.com/tvbythenumbers.zap2it.com/wp-content/uploads/2011/05/ashton-kutcher-150x210.jpg
Faça como o Steven Tyler: use o controle remoto

Press-release da assessoria do certame:
Band Minas transmite o Miss Minas Gerais para todo Brasil

Dia 21 de maio a TV Band Minas transmitirá o Miss Minas Gerais. Serão 27 candidatas concorrendo ao título da mais bela do Estado

Com apresentação de Adriane Galisteu e Guilherme Arruda, a Band Minas transmite, ao vivo, para todo o Brasil o Miss Minas Gerais, no próximo dia 21 de maio, na Arena Vivo do Minas Tênis Clube. O Estado vai expor ao país a escolha da sua representante para o Miss Brasil(*) 2011.
A Band Minas montou uma completa estrutura para a transmissão do evento, que mobiliza mais de 100 profissionais. Vinte e sete candidatas concorrem ao título de a mais bela mineira, posto atualmente ocupado por Débora Lyra, também vencedora da etapa nacional (foto).
Oito representantes de Minas Gerais já venceram o Miss Brasil, resultado do empenho dos mineiros quando o assunto é miss. O Estado só perde no ranking para o Rio Grande do Sul. Duas representantes mineiras já obtiveram ótimos resultados no Miss Universo: Eliane Guimarães, quinta colocada em 1971, e Natália Guimarães, segundo lugar em 2007″.

Remember: se você não é trouxa, seis representantes mineiras tomaram ferro no Miss Universo. A lista, eu divulgo depois que tratar dos cancelamentos de V, Brothers & Sisters (yeah!), The Event (outra fraude da Globo – passou no Universal Channel) e Law & Order: Los Angeles.
E mais: seria mais conveniente colocar o Ashton Kutcher, de Dois Homens e Meio, no lugar do Guilherme Arruda para apresentar esse arremedo de certame. Que, tal qual a Fórmula 1, é outra fraude da Globo (a Band só o transmite por um tal de “contrato de cessão”, como já ocorre com o futebol).
Outra, no dia 21, pegue seu controle remoto e vá ver o America’s Next Top Model (se você tem TV por assinatura) na hora do Miss Minas Gerais, outra pocilga da Band (ao lado de seus telejornais facciosos e esportivos babacóides).
Fuja desse lixo enquanto é tempo.

(*)Na teoria, a Band é dona dos direitos de transmissão do concurso Miss Brasil e de seus concursos estaduais quando, na prática, estes pertencem à Globo (que desde 1990 paga para não transmití-lo). É a mesma coisa que a emissora da famíglia Marinho fez (e ainda faz) com as séries da FOX, como Glee, Bones, Burn Notice e outras (fora as animações)

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em American Idol da incompetência missológica brasileira, Água oxigenada, Nossas Venezuelas, Séries e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s