Band entrega lista de locais da programação do Miss Universo 2011 nesta terça-feira


Objetivo da emissora é não ser penalizada pela Miss Universe Organization; organização brasileira faz mistério sobre o palco da final televisionada

Da redação TV em Análise

Reuters/Miss Universe/22.08.2010

https://i2.wp.com/i1.r7.com/data/files/2C92/94A4/2AA2/4EE9/012A/A2B2/E79C/3F5D/01-miss-universo-2010-reuters-g-20100824.jpg
A presidente da MUO, Paula Shugart (com Donald Trump): local da final paulista do Miss Universo 2011 será escolhido entre o Palácio das Convenções do Anhembi e o Ginásio do Ibirapuera

A direção da Enter-Entertainment Experience, braço de eventos da Rede Bandeirantes, já fechou a lista completa dos locais onde serão organizadas as várias atividades do concurso Miss Universo 2011, entre os dias 20 de agosto e 12 de setembro. Segundo apurou o Críticas, a Band recebeu propostas de cinco governos estaduais para abrigar as sub-sedes do evento: Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Paraná.
De acordo com uma fonte da Miss Universe Organization, que pediu para não ser identificada, há 90% de chances da final do concurso, agendada para 12 de setembro, acontecer no Palácio das Convenções do Anhembi, apesar de sua baixa capacidade (3 mil espectadores, quando o mínimo exigido pela MUO é 4.500). E, numa possibilidade mais remota (10%), a escolha da sucessora da mexicana Jimena Navarrete ocorreria no Ginásio do Ibirapuera, isso se a Sejel (Secretaria de Esportes do Estado de São Paulo) não tivesse criado toda a burocracia. “Com essa enrolação toda, não tem condições de fazermos [o Miss Universo] no Ibirapuera. Então, vamos tentar o Anhembi”, disse a fonte.
Oficialmente, ninguém na Band fala sobre o Miss Universo 2011. Mas setores da emissora tem se mostrado impacientes com a demora da casa em apresentar à MUO a listagem de locais para abrigar as diversas atividades do concurso como preliminares de traje de banho, preliminares de traje típico, desfile de moda, desfiles beneficentes, leilão de caridade e viagens a outros Estados para promoção do evento. Estuda-se uma ida à Brasília, obrigatória pelos protocolos do Miss Universo para edições realizadas fora dos Estados Unidos, para que as candidatas sejam recebidas pela presidente Dilma Rousseff. No entanto, este encontro está condicionado à agenda da Presidência da República.
No total oito cidades em cinco Estados e o Distrito Federal deverão abrigar as atividades preparatórias da 60ª edição do concurso Miss Universo. Estima-se que a programação oficial completa seja divulgada no dia 18 de julho.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Jóia da coroa, Projetos especiais, Todas as Venezuelas do mundo e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s