De volta de Las Vegas, Débora Lyra dá entrevista à Globo e, através de Serra acusa Dilma de cometer crime


Divulgação


A Miss Brasil 2010, seu coordenador e o ex-cabo eleitoral de Serra em Minas

Saiu no Conversa Afiada:
“No jornal da globo, com todas as letras, Serra acusou Dilma de cometer o crime de violar o sigilo fiscal da filha.
“Foi a Dilma”, disse ele.
(Débora Lyra, miss Brasil eleita pelo diretório mineiro do P$DB, também deve ter dito a mesma coisa quando voltou da desgraça que foi sua participação no concurso Miss Universo 2010, em Las Vegas).
A filha do jenio foi sócia da irmã de Daniel Dantas em Miami (Miami !) – o Conversa Afiada já mostrou muitas vezes.
Serra falou em “blogs sujos” sem dizer quem são.
O que talvez tenha que fazer na Justica se depender do Cloaca News.
Serra também disse que é economista – o que, como sabe toda a Unicamp, ele não é.
Em tempo: travou-de uma batalha de filme de horror.
Que olheira assustava mais: se a do entrevistado ou a do entrevistador”.

Ainda no mesmo CAf, citando a Folha Online:
Aécio cobra mais ‘ousadia’ de Serra, que prega ‘virada’

No dia em que José Serra (PSDB) passou a discursar pela possibilidade de “virada” na sucessão presidencial, o principal cabo eleitoral do tucano em Minas, Aécio Neves, cobrou mais “ousadia” e “clareza” na comunicação da campanha.
Até então, Serra se recusava a comentar a dianteira de Dilma Rousseff (PT) nas pesquisas. Mas ontem, em dois eventos em cidades mineiras, passou a usar o crescimento de Antonio Anastasia no Estado como exemplo para a própria campanha.
“Já viramos em Minas, vamos virar juntos no Brasil”, disse. Em pesquisa Ibope na semana passada, Anastasia apareceu pela primeira vez à frente de Hélio Costa (PMDB), com 35% a 33%.
O site oficial da campanha lançou o slogan “É a hora da virada”. A Folha apurou, no entanto, que a nova estratégia não foi decidida pela equipe do marqueteiro Luiz Gonzalez e, ao menos por enquanto, não deve ser usada na propaganda de TV.
O discurso pela “virada” foi feito do alto de um carro de som no centro de Itajubá, cidade no sul de Minas, e encampado por Aécio.
“Em Minas, o Anastasia já virou, já estamos na frente e vamos ganhar a eleição. E a segunda, é que no Brasil nós vamos virar também, fazendo Serra presidente”, discursou Aécio, que foi mais aplaudido do que Serra.

CRÍTICAS

Apesar do discurso de apoio, no primeiro evento do dia, em Varginha, Aécio fez críticas à comunicação da campanha. Ele cobrou mais “ousadia” e “clareza” para se contrapor a Dilma.
“O mais importante é que a sua comunicação para o país inteiro, talvez, seja um pouco mais ousada, apontando diferenças mais claras em relação às propostas do atual governo”, disse Aécio, ao falar sobre estratégias para levar ao segundo turno.
A declaração foi dada pouco antes da chegada de Serra.
Aécio atribui a uma “conjunção de fatores” a queda das intenções de voto em Serra, entre eles a capacidade de transferência de votos de Lula, mas disse que não é o momento para fazer críticas porque isso “não contribui”.
“Essa nunca foi uma eleição fácil para nós, mas está longe de ser uma eleição perdida”, disse Aécio, que defende que Serra se concentre em São Paulo, Minas e Paraná para ir ao segundo turno.
Foi o que Serra começou a fazer ontem, após 23 dias ausente do segundo colégio eleitoral do país (14,5 milhões de votos). “É um crescimento [de Anastasia] muito bom para Minas, para o Brasil, para o nosso partido e para mim, porque para onde forem o Anastasia e o Aécio, eu irei também aqui em Minas”.
Após carreata e caminhada pelo centro de Varginha, Serra, durante comício relâmpago, disse que, indo bem em Minas, terá bom resultado também no país”.
Como se sabe, Débora Lyra teve mau resultado no Miss Universo. E isso foi resultado do mau desempenho de Serra nas pesquisas (Datafolha, Ibope/Globo, Vox Populi/Band/gaeta(*) e CNT/Sensus).
Natalie Morales não assina a Folha(**), mas entende de realidade brasileira.
O problema são os jurados do Presentation Show, que proibiram Bret Michaels de falar em Serra, Datafolha, Preciado, sigilo da Ana Maria Braga, etc.
Fizeram isso para o bem do país.
E pouparam-nos de, na rodada final de entrevistas, termos que ouvir o Evan Lysacek perguntar sobre os custos abusivos dos pedágios paulistas ou o William Baldwin perguntar sobre o apoio de da Miss Brasil 2010 por veículos de comunicação que cresceram ou se sustentaram da ditadura militar.
(Rede Globo e Folha(**) são dois exemplos disso).
Mais: pouparam o público da NBC e do resto do mundo de ver desfilar uma miss Brasil patrocinada pelo lúmpen midiático-ruralista-direitista-conservador em trajes de bahno.
Até hoje, a Megan Fox agradece aos pontos que conseguiu roubar do Ibope da gaeta(*).

(*)gaeta é o modo como a Gaeta Promoções e Eventos deve ser sempre escrita: em minúsculas, para provar o quanto o Brasil é uma sub-Venezuela (tipo um Whooper Jr.) ou um Porto Rico tamanho-família (tipo esses sanduíches Whooper do Burger King, Sub do Subway, Big Bob, Big Mac e afins) em termos de concursos de misses
(**)Folha é o jornal que não se deve deixar a sua tataravó ler porque publica palavrões e mostra sem censura os seios, os pêlos pubianos, a vagina e a bunda da miss Pernambuco 2008, Michelle Fernandes da Costa, em revista masculina publicada a poucos dias de passar a faixa à sua sucessora, em março de 2009. Além disso, Folha é aquele jornal que entrevista Cássio Cunha Lima DEPOIS de cassado e pergunta o que ele achou do processo no TSE, da ditabranda, do câncer de Fidel, da ficha falsa da Dilma, das mulheres-fruta, das ancas da cantora Jôsy, do ódio a piauienses encampado pelo Rafinha do Emocore, da Carla Perez lecionando “i” de iscola, da Rayanne Morais “eleita” Miss Brasil 2009 pelo site EGO, ligado à Globo (sócia da mesma Folha no jornal de negócios Valor Econômico), que veste FHC com o manto de “bom caráter”, porque levou dezoito anos para reconhecer um filho seu fora do casamento (com uma jornalista empregada da Globo), que manda a Diane Sawyer da Globo News avacalhar o cantor itainopolense Frank Aguiar por causa de um filme e de uma entrevista sórdida com uma aspirante a aspirante a aspirante de celebridade paulista a uma aprendiz de Oprah do Primetime da Rede TV!, que publica texto sórdido de um professor de comunicação da USP sobre o Miss Universo 2007, que fala mal do Saulo Roston (vencedor do Ídolos 2009), manda a Mariska Hargitay falar mal do Piauí e a Tamara Tunie, o Ice-T e o Christopher Meloni bancarem o Sérgio Ricardo quebrando o violão no Festival da Record de 1967 em Law & Order: Special Victims Unit, o elenco de Law & Order: Criminal Intent e o Robin Williams avacalharem o Brasil em seriado da USA Network e programa de entrevista da CBS, é o que é porque o dono é o que é e que, quando a mineira Elaine Parreira Guimarães ficou em quinto lugar no Miss Universo 1971, emprestava os carros de reportagem aos torturadores.

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Água oxigenada, Ética jornalística, Corrupção nos concursos de beleza, Jóia da coroa, Nossas Venezuelas, Olivia Benson do tucanato da UDR, Poderes ocultos, Podres poderes, Realidade brasileira e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s